- CACP – Ministério Apologético - http://www.cacp.org.br -

A Bruxaria nos dias atuais

Na vida real, fora das telas do cinema e longe das superproduções de Hollywood, existem pessoas que se definem como bruxas de verdade. Eles não tem cara verde, nem voam de vassoura. Trabalham, estudam, enfim, levam uma vida comum.

Uma das formas mais populares de bruxaria é a wicca. É uma religião que cultua deuses antigos da mitologia celta, além de defender o respeito à natureza e aos ancestrais. Os seguidores da wicca são chamados de bruxas e bruxos e, apesar de não praticarem magia como nos filmes, realizam vários rituais em homenagem aos seus deuses e à natureza.

“Perguntam seu eu faço magia ou feitiço. Tudo isso é muito fantástico e faz parte da humanidade, mas, na realidade, os seguidores da wicca se comportam de forma parecida com os indígenas, que buscam respostas na natureza”, explica Ariadne Pinheiro, 29, seguidora da wicca desde a adolescência.

Ariadne é mãe de Chloe Sperle, 7. Apesar de ser muito jovem para ingressar na religião, que só aceita membros maiores de 18 anos, a menina já teve uma festa de apresentação à wicca, chamada de wiccaning. Seus pais, Ariadne e Og, procuram explicar sua religião para Chloe por meio de livros e conversas.

“Quando falo que sou bruxa, meus amigos acham que é mentira”, contou Chloe, que comemorou seu último aniversário com uma festa de tema de bruxas.

Para saber mais dessa prática abominável diante de Deus – clique aqui [1]

Extraído no dia 08/03/2013 do site da Folha de SP

[2] [3]Compartilhar [4]