Esqueceu a senha?

A filha de Jefté foi realmente sacrificada?

por Artigo compilado - sex set 14, 10:26 am

Juízes 11.30-40: E Jefté fez um voto ao SENHOR, e disse: Se totalmente deres os filhos de Amom na minha mão,  Aquilo que, saindo da porta de minha casa, me sair ao encontro, voltando eu dos filhos de Amom em paz, isso será do SENHOR, e o oferecerei em holocausto.  Assim Jefté passou aos filhos de Amom, a combater contra eles; e o SENHOR os deu na sua mão. E os feriu com grande mortandade, desde Aroer até chegar a Minite, vinte cidades, e até Abel-Queramim; assim foram subjugados os filhos de Amom diante dos filhos de Israel. Vindo, pois, Jefté a Mizpá, à sua casa, eis que a sua filha lhe saiu ao encontro com adufes e com danças; e era ela a única filha; não tinha ele outro filho nem filha.  E aconteceu que, quando a viu, rasgou as suas vestes, e disse: Ah! filha minha, muito me abates-te, e estás entre os que me turbam! Porque eu abri a minha boca ao SENHOR, e não tornarei atrás. E ela lhe disse: Meu pai, tu deste a palavra ao SENHOR, faze de mim conforme o que prometeste; pois o SENHOR te vingou dos teus inimigos, os filhos de Amom. Disse mais a seu pai: Conceda-me isto: Deixa-me por dois meses que vá, e desça pelos montes, e chore a minha virgindade, eu e as minhas companheiras. E disse ele: Vai. E deixou-a ir por dois meses; então foi ela com as suas companheiras, e chorou a sua virgindade pelos montes.  E sucedeu que, ao fim de dois meses, tornou ela para seu pai, o qual cumpriu nela o seu voto que tinha feito; e ela não conheceu homem; e daí veio o costume de Israel, Que as filhas de Israel iam de ano em ano lamentar, por quatro dias, a filha de Jefté, o gileadita.

Um tema delicado: Jefté ofereceu realmente sua filha em holocausto? Há duas correntes de pensamento a respeito deste assunto: a primeira, defende que houve o sacrifício da vida da jovem, mas que o voto que gerou esse fato foi impensado e que Deus, apesar de dar a vitória a Jefté, não aceitou o sacrifício (que assemelhava-se ao usado no culto pagão). A segunda defende que esse sacrifício deve ser compreendido à luz do conceito posteriormente desenvolvido pelo apóstolo Paulo – de que todos devemos nos oferecer a Deus como sacrifício vivo (Rm 12.1). Vendo a passagem por este ângulo, é possível entender que Jefté tenha oferecido sua filha ao Senhor para serví-Lo em Sua casa pelo resto de sua vida, permanecendo virgem. Somente entenderemos a amplitude desse sacrifício considerando-o no contexto judaico daqueles dias. As várias linhagens e as famílias que delas faziam parte constituíam o centro da vida social. Jefté estaria destinando sua única filha para o serviço do Senhor com o voto de castidade perpétua, o que significaria o fim de sua própria linhagem dentre os filhos de Israel.

Biblia Apologética.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

2 Comentários

Comentários fechados neste artigo.
Comentários 1 - 2 de 2Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Ele realmente imolou a filha pois tinha prometido que o faria. Ele trouxe a própria calamidade a si. Em momento algum fala o que Deus achou do assunto, se aceitou ou não etc. É óbvio que não aceitou. A decisão/ação foi totalmente humana, de baixo pra cima.

  2. Não imolou a filha tirando a vida, mas, o sacrifício está na castidade da filha e no fim da sua decência, por isso a filha chora pela virgindade durante os dois meses, o versículo deixa claro; ELA NÃO CONHECEU HOMEM significa que ela viveu cumpriu o voto do PAI. que se lamenta muito. 

Comentários 1 - 2 de 2Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.

Advertisement