Esqueceu a senha?

A Igreja brasileira vai resistir?

por Artigo compilado - qua ago 21, 8:10 am

Observo com perplexidade a igreja evangélica brasileira atual, entendendo que a mesma está cada vez mais envolta por contradições que vão de um extremo ao outro. Se por um lado os pentecostais, sufocados pelos movimentos batizados de neopentecostais, se mostram cada vez mais místicos e sincréticos, por outro os tradicionais e históricos vão se afundando no liberalismo e secularismo que os tornam uma ameaça maior que a própria incredulidade e ignorância do Evangelho.

Não só nas questões cúlticas e teológicas, mas o próprio testemunho evangélico se esvai de significados. A julgar pelos escândalos envolvendo lideranças e demais expoentes da igreja evangélica brasileira, está difícil saber quem é quem! Se formos falar da dubiedade verificada nos evangélicos nominais vez por outra flagrados em bebedeiras, adultérios, ilícitos financeiros, etc., então, faltaria espaço para relacionar exemplos que envergonhariam até quem desconhece a Bíblia por completo.

Antigamente se preconizava que nós, os crentes brasileiros chegaríamos às grandes mídias; que seríamos expoentes na política, enfim, que teríamos mais influencia na sociedade de um mundo geral. Pois bem, chegamos lá e daí? Que diferença estamos fazendo? Que vantagens observamos ao vermos um número cada vez maior de crentes nos esportes, na política, nas artes, etc.? Respondo: Quase nenhuma!

Pode parecer pessimismo, mas às vezes penso que as coisas só tendem a piorar por aqui. A história está aí para mostrar que, assim como a Igreja quase desapareceu por completo em vários países (em alguns lugares foi totalmente banida), a igreja brasileira pode experimentar um fracasso semelhante. Tão jovem e ao mesmo tempo tão abusada, tão contaminada e dividida. Que pena…

Mas há esperança – pelo menos é o que acho. Ainda existe muita gente que leva o Evangelho a sério; gente que entende que não é suficiente ser evangélico da igreja X ou Y; que percebe a necessidade de ser mais que crente – ou é sal e luz ou não é nada; gente que sabe diferenciar um convertido de mero religioso; gente que entende muito bem a diferença entre santidade e mundanidade; gente que sabe que o estilo de vida do salvo é bem diferente da vida dos perdidos.

Apesar de tudo, minhas sinceras orações vão de encontro às minhas observações. Oro para que a Igreja resista sim; que prevaleça sobre os escândalos, divisões, heresias e demais abusos verificados quase todos os dias em nosso meio. Peço para que o Senhor tenha misericórdia dos remanescentes, e para que eles resistam sim! Maranata!

Autor: Pr. Aécio Felismino da Silva

Extraído do site http://pulpito-virtual.blogspot.com.br em 21/08/2013


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

1 Comentário

Comentários 1 - 1 de 1Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Como dizia o melancólico profeta Elias ” … ah Senhor só eu fiquei dos seus profetas, e todos se desviaram de ti …Mas a resposta Divina foi “…reservei 7.000 homens que não dobraram os joelhos perante Baal e não o beijaram …” ;
    Deus sempre tem uma surpresa ou benção preparada!

Comentários 1 - 1 de 1Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement