Esqueceu a senha?

A Pontualidade Brasileira

por Pr. Natanael Rinaldi - ter set 11, 2:55 pm

O JORNAL DA ORLA* traz um artigo sobre a pontualidade nos compromissos, expondo o seguinte: “Eu vivo neste mesmo mundo louco de todos os brasileiros, com trânsito, enchentes, etc. e nunca chego atrasada a lugar nenhum! Em compensação, vivo esperando todo mundo! É horrível! Sinto-me desrespeitada. Dá vontade de ir embora e pronto. Um dia eu fiz isto e m uma entrevista para apresentação de um projeto. Meu potencial cliente me deixou esperando por 40 minutos. Eu fui embora e ponto!

Perdi o cliente? Não. Ele me ligou todo delicado, pedindo mil desculpas, marcou outro encontro e chegou na hora. Em outra ocasião, fui convidada para um jantar, e cheguei na hora e a dona da casa não tinha voltado do cabeleireiro, acreditam? Fiquei lá, com cara de pamonha, sendo atendida pelo marido dela que nem me conhecia direito. Foi bem constrangedor. Os outros convidados chegaram mais de uma hora depois, quando a anfitriã já havia chegado e desconcertada fiquei eu, que estava certa de ter chegado na hora marcada.”

PR. Como podemos definir o que significa ser pontual nos compromissos?

Ser pontual é, segundo o Dicionário Aurélio, a qualidade daquele “que chega, parte, ou cumpre as obrigações ou compromissos, executa trabalho, à hora marcada”. A pontualidade é uma virtude de pessoas civilizadas. Ser pontual não é se precipitar, chegando com muito tempo de antecedência no compromisso ou local combinado. Ser pontual é chegar, pelo menos, 15 minutos antes do horário estabelecido.

Como se deve considerar uma pessoa que não liga muito para ser pontual?

Atrasar sem justificativa é falta de consideração, é irresponsabilidade. Quem fica esperando passa a imaginar mil coisas que possam ter acontecido. Com certeza as pessoas vitimadas pelo atraso de outras se aborrecem pelo tempo perdido. Quem gosta de marcar um compromisso para as dez horas e somente ser atendido às onze? Não é deveras desagradável se esforçar para cumprir os horários e ter de esperar minutos ou horas? Por isso, se bem pensarmos, a pontualidade é uma virtude que deve ser valorizada e observada pelo cristão. O crente deve ser exemplo, inclusive na fidelidade aos acertos marcados.

Como poderíamos qualificar a pessoa que mantém pontualidade social? 

É de extrema indelicadeza e total gravidade chegar atrasado a um almoço ou jantar com horário pré-estabelecido. É falta de consideração e respeito para com os anfitriões, com os convidados e com a própria refeição. Note que a noiva que, preocupada em encontrar a igreja vazia, faz questão de se atrasar para a cerimônia religiosa, poupando tempo para os convidados atrasados, estará desrespeitando os demais convidados que se preocuparam em chegar no horário estabelecido para o casamento. Este atraso se houver, não deve ultrapassar 15 minutos, principalmente se após a cerimônia religiosa houver outros casamentos a serem realizados na mesma igreja

Poderia citar algum exemplo de líderes que tinham apreço pela pontualidade nos seus compromissos?

Sim. A Bíblia nos apresenta a pontualidade dos apóstolos Pedro e João: “Pedro e João subiam ao templo à hora da oração, a nona” – Atos 3:1. A nona hora do dia judaico corresponde às quinze horas do nosso horário. Nessa hora havia um encontro de oração no templo em Jerusalém. Pontualmente os apóstolos foram ao templo para orar, nos deixando o exemplo de fidelidade nos compromissos com Deus e com os que ali deveriam também estar. Infelizmente não são poucos os que têm o hábito de chegar atrasados aos cultos. Alguns chegam literalmente no amém. Pontualidade é uma maneira de demonstrar reverência na adoração a Deus.

Ser pontuais nos nossos compromissos financeiros é uma exigência bíblica que não devemos descuidar?

Sim. Se pagamos nossas contas em dia, ficamos em paz e não devemos nada a ninguém; É impróprio contrair dívidas além das nossas possibilidades, confiando na estabilidade do emprego ou no sucesso dos negócios. Dessa forma, há necessidade de se elaborar um orçamento daquilo que recebemos e que gastamos, a fim de termos controle das finanças e não gastarmos mais do que ganhamos. Romanos 13:8 – “A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei.

Como empregados devemos manter pontualidade em nossos compromissos de trabalho?

Sim. Se fossemos donos de uma grande empresa, que tipo de funcionário contrataria para trabalhar nela? Aquele que precisa ser vigiado o tempo todo e está sempre fazendo “corpo mole”? Aquele que chega atrasado todos os dias e sempre tem uma desculpa preparada na ponta da língua? Aquele que trabalha um dia e falta dois? Definitivamente não seria esse o perfil de um funcionário ideal. Esse tipo de funcionário, que de trabalho quer saber muito pouco, impede o crescimento da empresa, uma vez que faz negligentemente suas tarefas e serve de exemplo negativo aos demais.

* O JORNAL DA ORLA edição de 21,22 de maio de 2011


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement