Esqueceu a senha?

A razão do acréscimo da palavra “Jejum” em Mt 17.21 e em Mc 9.29

por Pr. João Flávio Martinez - sex set 14, 11:37 am

“Mas esta casta de demônios não se expulsa senão à força de oração e de jejum”. (Mt 17.21);

“Respondeu-lhes: Esta casta não sai de modo algum, salvo à força de oração e jejum”. (Mc 9.29).

Bem, em primeiro lugar não é pelo fato de que uma palavra ou texto não se encontra nos manuscritos gregos mais antigos (no caso aqui do NT) que tal texto deva ser rejeitado.

Quando fazemos uma tradução utilizamos todos os textos, de todas as épocas e de vários idiomas. Podemos encontra um texto em Árabe, por exemplo, mais antigo que um texto grego. Isso não significa que, embora o texto grego não contenha (nesse nosso exemplo) a tal palavra, que ele não seja parte do escopo original, pois se encontra no texto em Árabe. Sendo assim, todos os manuscritos devem ser usados para uma análise mais ampla e fidedigna do documento em estudo. O Novo Testamento tem aproximadamente: 5 mil manuscritos gregos, 10 mil manuscritos em latim e 9 mil em outros idiomas. Todo esse material é importante em uma tradução.

Em segundo lugar, a palavra Jejum estando ou não ali não faria diferença. Afinal, Jesus não está dizendo que, para a expulsão de certos tipos de demônios, era necessário um período de oração e jejum. O princípio no texto em lide é outro: onde há pouca fé, há pouca oração e jejum (Mt. 17.19,20). Onde há muita oração e jejum resultante da dedicação genuína a Deus e à sua Palavra, há abundância de fé. Se os discípulos estivessem vivendo uma fé viva de oração e jejum como Jesus ensinou e praticou (veja a vida de Cristo), poderiam ter resolvido o caso.

Bibliografia:

Evidências Que Exigem um Veredicto – Vol. 1, J. Macdowel, Ed. Candeia.

Bíblia Pentecostal, Editora CPAD.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

13 Comentários

Comentários 1 - 13 de 13Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. muito esclarecedor

  2. Mas sabemos que a passagem que diz : Esta casta de demônio só sai com jejum e oração, não foi dito por Jesus, e sim foi escrito pelo Padre João Ferreira de Almeida, isto é descrito em toda bíblia no prefácio…

  3. Olá.
    Embora concorde com a parte sobre os manuscritos, gostaria de dizer que a última parte está em contradição com a bíblia, pois o próprio Jesus respondeu aos fariseus que seus discípulos não jejuavam pois estavam com o noivo, poderia esclarecer essa duvida?
    Grato.

    1. “estavam com o noivo” significa que Jesus estava presente no momento no convivio dos primeiros discipulos, portanto não havia motivo de tristeza e portanto não jejuavam, contudo quando o “noivo” foi tirado “morte e assunção” ao céu, então jejuariam.

  4. Quem resolve o “caso” não É os discípulos mas sim Jesus, pois só Ele tem poder amado , é o que está acontecendo nas igrejas , o povo quer que o pastor resolva seus problemas mais eles não querem tomar uma postura dentro da palavra de Deus.

  5. Amém, muito esclarecedor o texto.
    E concordo com o irmão Cleidston, temos q ter comunhão com o nosso Sumo Pastor Jesus.

  6. Texto totalmente fora de contexto. Primeiro o novo testamento dos seus originais em Grego e Aramaico, foi adulterado pela primeira tradução dessas livros, que é a VULGATA LATINA. Segundo. Jamais a verdadeira igreja de Jesus, não tem nada a ver com Roma e o Latim.

  7. Continuam mexendo nos textos bíblicos….Cada vez mais deformada….Mas, nenhum texto 100 por cento original existe! O que temos são cópias de cópias de cópias… Tanto faz! O único texto cem por cento original nos dias de hoje é o Alcorão dos muçulmanos!

    1. Sim originalmente inspirado pelo próprio Satanás, rss

  8. Coritios 7 : ver 5 não tem jejum na a umas bíblias portuguesas e tbm Almeida atualizada>>>> aplicativo quick bible 📲

  9. procurei e achei!!! esse artigo é muito bom bem explicado parabens pastor

  10. Esse versículo destoa completamente do contexto anterior, que fala claramente sobre fé.
    A falta de fé e a incredulidade dos discípulos foram a causa de não terem conseguido expulsar os demónios.

  11. O JEJUM NAO TINHA AINDA IMPORTANCIA JA QUE JESUS ESTAVA COM ELES.

Comentários 1 - 13 de 13Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement