Esqueceu a senha?

A Virgem Maria pode ser promovida

por Artigo compilado - qui ago 30, 8:40 am

Uma enorme caixa, cheia de pedidos, chegou ao Vaticano solicitando que o Papa João Paulo II exerça seu absoluto poder para proclamar um novo e controvertido dogma: que a virgem Maria é co-redentora com Jesus e coopera plenamente com seu filho na redenção da humanidade. O líder desse movimento é o Sr. Miravalle, 41 anos, professor de Mariologia (o estudo de Maria) numa das mais conservadoras universidades católicas da Itália. Desde então, o papa já recebeu mais de seis milhões de assinaturas de 148 países solicitando que ele conceda a Maria a mais alta promoção.

Além disso, o Sr. Miravalle recebeu o apoio de 550 bispos e 42 cardeais, incluindo o Cardeal John O’Connor e a Madre Teresa de Calcutá antes de suas mortes. Essa idéia, porém, não é novidade. Desde o século 14 vem sendo cogitada a promulgação desse dogma. Também existem precedentes históricos para campanhas como a do Sr. Míravaíle. Dois outros dogmas marianos o dogma da Assunção de Maria, promulgado em1950, que declarava que Maria foi levada para o céu, corpo e alma, depois da morte, e o dogma da Imaculada Conceição de 1854, que estabelecia que Maria foi preservada do pecado original – foram ambos precedidos por uma enxurrada de petições. O dogma que Miravalle advoga, porém, toca em duas outras frentes de batalha: coloca a autoridade máxima do papa em xeque diante da sociedade pós-moderna e atravanca o avanço do ecumenismo, coisa que o Vaticano tanto cobiça.

O papa João Paulo II, toda­via, não esconde sua devoção a Maria. Seu motto é ‘~Totus tuus” (que em latim significa “totalmente teu”), através do qual ele dedica seu papado a ela. Enquanto isso, na prática, milhões de católicos crêem e fazem o que o episcopado católico ainda discute. E não há papa que se oponha.

extraído DS – apologetics index

————————————————
Para saber mais sobre o Catolicismo – O CACP disponibiliza para você, por um preço especial, os seguintes produtos:

DVD
– A Rainha do Céu: Nesse DVD o Dr Paulo Romeiro discute a doutrina mais polêmica do Catolicismo – A Mariolatria. 

APOSTILA
-O Catolicismo: Você terá nessa apostilas a refutação de todos os dogmas do Catolicismo.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

6 Comentários

Comentários 1 - 6 de 6Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1.  não acaba com os santos em si, mas sim, em última análise, chega a Deus através dos santos. Este é um elemento importante para a adequada e autêntica compreensão da devoção aos santos.

  2.  Prestar honra a um santo (…) em união amorosa com Deus é também homenagear o objeto de sua união amorosa: o próprio Deus, pois «quem honra seu irmão, também honra a Deus (Mateus 25, 40)

  3. Mario, você pensa que nós protestantes somos tontos para aceitar essa sua conversa sobre “homenagem” ? Leia atentamente o artigo acima e muitos outros do site que é relacionados ao catolicismo romano, e procure se convencer e arrepender-se do erro. 

  4. jcp, os santos são meio, não fim. Meios de se obter o favor de Jesus (não do Pai, pois ao Pai apenas Jesus). Assim como a Maria intercedeu pelo noivos nas bodas de Caná, nada mais que isso. O fim de toda adoração é a Trindade, e só a Trindade. Até Lútero entendeu isso a respeito de Maria..

    1. “santos são meio, não fim” ( não é bíblico ). Jesus é o único mediador 1 Timóteo 2:5. Maria não “intercedeu” junto a Jesus, ela foi avisar da falta de vinho, ela pensava no social, por isso Jesus a repreendeu chamando-a “mulher que tenho eu contigo?” Lutero não era mariano !!!

  5. COMO PODE SER PROMOVIDO ALGUEM QUE ESTÁ MORTO ?

Comentários 1 - 6 de 6Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement