Esqueceu a senha?

Algumas dicas de apologética para sua vida

por Artigo compilado - qui dez 19, 1:09 pm

Abaixo estão algumas Dicas de Apologética que lhe serão muito úteis. Como você pode ver, algumas são dicas para um melhor entendimento e outras são dicas para a prática. Espero que gostem!

“Antes de falar sobre um assunto, pergunte-se: eu tenho todos os fatos? Ou pelo menos uma quantidade suficiente para fazer um julgamento razoável?”

“Não baseie suas crenças naquilo que você gosta, por mais tentador e natural que possa ser. Busque a verdade, mesmo que você não goste.”

“Há alguma verdade em todo sistema de crenças falsas. Caso contrário, ninguém seria tentado a acreditar nos credos sectários.”

“Ao ler a Bíblia, não é uma opção válida aceitar os ensinos que você aprecia e ignorar os ensinamentos que você não gosta ou não acha politicamente corretos. Ou a Bíblia é inspirada e tem autoridade ou não.”

“A questão central que muitas pessoas estão perguntando hoje é se o Cristianismo é bom. Se não podemos mostrar que o Cristianismo é uma bênção, muitos nem sequer irão considerar se o Cristianismo é verdade.”

“Simplesmente esteja a frente de outras pessoas. Leia mais. Estude mais. Faça perguntas melhores. Pense com mais profundidade. Não há atalhos – estude muito.”

“As Escrituras devem ser manuseadas com maestria e conhecimento – não existe apologética sem ser pautada inteiramente na Bíblia. As demais ciências podem lhe auxiliar, mas nunca substituir a Palavra de Deus”.

“Tolerância genuína significa respeitar as pessoas que veem o mundo de forma diferente (Idiossincrasia). Tolerar apenas aqueles que defendem as mesmas opiniões que você não é tolerância de forma alguma. Entretanto, devemos ser firmes e convictos em nossos pontos de fé! O tolerante não é uma pessoa obliqua ou que deixa pra lá, mas um indivíduo que sabe respeitar e refutar!”

“Seja pessoalmente ou online, pergunte-se regularmente: Se essa pessoa estivesse sentada à minha frente, eu estaria falando com o mesmo tom e atitude?”.

“Seja Paciente! Existe um tempo de germinação e precisamos aprender a esperar a hora certa da colheita.”

——-

Fonte: Por Sean McDowell

Tradução Walson Sales.

Adaptado em alguns pontos pelo CACP.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário