Esqueceu a senha?

Ap 12.17 não tem nada a ver com os Adventistas

por Artigo compilado - ter out 27, 9:24 am

O dragão irou-se contra a mulher e foi fazer guerra contra o restante da sua descendência, os que guardam os mandamentos de Deus e o testemunho de Jesus Cristo.

Argumento Sectário: O Adventismo do Sétimo Dia declara que a “mulher” descrita no texto de Ap 12 é a própria “igreja Adventista” e que a sua semente são os Adventistas perseguidos por guardarem os mandamentos (o sábado) e possuírem o testemunho de Jesus.

RESPOSTA APOLOGÉTICA:

O DRAGÃO irado aqui representa Satanás, a antiga serpente chamado diabo.

A MULHER aqui representa a Nação de Israel (e não uma igreja denominacional com CNPJ).

NOTA: A IASD nunca fez parte da Nação de Israel e muito menos fazem parte da igreja de Jesus. (são falsos judeus).

O FILHO VARÃO que a mulher dera à luz é o Senhor Jesus Cristo

OS MANDAMENTOS DE DEUS não se referem somente aos 10 mandamentos (Decálogo), também não se restringe a toda lei (Toráh) 613 mitzvot é algo mais amplo.

O TESTEMUNHO DE JESUS é confessar a Cristo como único e suficiente Salvador, ainda que tenha que perder a própria vida por isso (Mateus 16.25). É uma descrição de Seus seguidores, e o que eles fazem; ter o testemunho de Jesus é levar a mensagem bíblica do Evangelho de Jesus aos perdidos – a salvação pela graça, por meio da fé e não por obras para que ninguém se glorie; (Efésios 2.8,9).

OS REMANESCENTES Ap 12 Faz referência aos judeus remanescentes que se levantarão durante a grande Tribulação, haverão judeus que reconhecerão a Jesus Cristo como seu Salvador. Dentre eles estarão os 144 mil, sendo 12 mil de cada tribo de Israel (12 tribos). O Milênio será a ocasião da restauração final física e espiritual da Nação de Israel (e não o Adventismo do Sétimo Dia).

Obs. No período milenar também haverá gentios que se converteram no período da Grande Tribulação, meu foco neste artigo é quem são os remanescentes de Ap 12.7

———–

Aut. Diácono Sérgio Baeta, Teólogo, Apologista e Servo de Cristo


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário