Esqueceu a senha?

As Seitas e a Bíblia

por Enviado por email - dom set 09, 2:00 pm

  • Comentários desativados em As Seitas e a Bíblia
  • 2342 views
  • Print

Quais seriam os sinais de que uma pessoa estaria freqüentando uma seita, e não uma Igreja cristã? Primeiro, devemos entender o que é uma seita.

SEITA – 
“Um grupo de indivíduos reunidos em torno de uma interpretação errônea da Bíblia, feita por uma ou mais pessoas.” – Dr. Walter Martin, O Império das Seitas, página 11.

Essas interpretações errôneas da Bíblia são chamadas de heresias, ou desvios doutrinários. Vejamos, então, as características de uma seita em relação à Palavrade Deus, a Bíblia.

AS SEITAS E SEU CONCEITO DETURPADO SOBRE A BÍBLIA

ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA – “Cremos que Ellen White foi inspirada pelo Espírito Santo, e seus escritos, o produto dessa inspiração, tem aplicação e autoridade especial para os adventistas do sétimo dia. Negamos que a qualidade ou grau da inspiração dos escritos de Ellen White sejam diferentes dos encontrados nas Escrituras Sagradas.” – Revista Adventista, Fevereiro de 1984, pág. 37.

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ –
 “Meramente ter a Palavra de Deus e lê-la não basta para adquirir o conhecimento exato que coloca a pessoa no caminho da vida”. (A Sentinela de 1o. de Setembro de 1991, pág. 19) “A menos que estejamos em contato com este canal de comunicação usado por Deus [Corpo Governante e seus escritos], não avançaremos na estrada da vida, não importa quanto leiamos a Bíblia”. – A Sentinela 1 de Agosto de 1982, pág. 27.

MORMONISMO – 
“Declarei aos irmãos que o livro de Mórmon era o mais correto de todos os livros da terra, e a pedra angular da nossa religião.” – Ensinamentos do Profeta Joseph Smith, pág. 178.

OS MENINOS DE DEUS (A FAMÍLIA) –
 “Quero dizer-vos que é melhor lerem o que Deus diz hoje … ao que disse 2000 ou 4000 anos atrás. Depois, quando acabarem de ler as últimas cartas de MO [Fundador David Berg] podem voltar e ler a Bíblia e as velhas de MO!” – Velhas Garrafas, Julho de 1973, p. 11.

A IGREJA DA UNIFICAÇÃO – REVERENDO MOON –
 “A Bíblia não é a própria verdade, senão um livro que ensina a verdade. (…) Portanto, não devemos considerar um livro de texto como absoluto em todos os detalhes.” – O Princípio Divino, Introdução, p. 7.

ESPIRITISMO KARDECISTA – 
“Nem a Bíblia prova coisa alguma, nem temos a Bíblia como probante. O Espiritismo não é um ramo do Cristianismo como as demais seitas chamadas cristãs. Não assenta seus princípios nas Escrituras. Não rodopia junto à Bíblia. Mas a nossa base é o ensino dos espíritos, daí o nome espiritismo.” – À Margem do Cristianismo, p. 214.

MAÇONARIA – 
“A opinião maçônica prevalecente é a de que a Bíblia é apenas um símbolo da Vontade, Lei ou Revelação Divina, e não que o seu conteúdo seja a Lei Divina, inspirada ou revelada. Até hoje, nenhuma autoridade tem mantido que um maçom deve acreditar na Bíblia ou em qualquer parte dela” – COIL, Henry Wilson, Coil’s Masonic Encyclopedia, New York (EUA), 1961, página 520.

LEGIÃO DABOA VONTADE – 
“Ora, isso explica a necessidade das revelações progressivas, cuja finalidade (traçada pelo próprio Jesus) é corrigir e atualizar a parte humana da Bíblia Sagrada. Portanto, com todos os erros, de origem humana, a Bíblia contínua certa, como demonstra a Doutrina do Céu da LBV” – Jesus, a Saga de Alziro Zarur, volume 2, página 86.

CIÊNCIA CRISTÃ – 
“As decisões por voto de comissões eclesiásticas sobre o que deve ou não deve ser considerado Escritura Sagrada;os erros evidentes das antigas versões; as trinta mil variantes do Antigo Testamento e as trezentas mil do Novo – esses fatos mostram como um sentido mortal e material se insinuou no relato divino, obscurecendo até certo ponto, com seu próprio matiz, as páginas inspiradas. – Ciência e Saúde Com a Chave das Escrituras, página 139.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA –
 Os cristãos seguem somente a Bíblia. (2 Timóteo 3:16) Mas as seitas usam livros que consideram ser os melhores e mais corretos, como os mórmons, por exemplo, que usam o Livro de Mórmon. Todavia, é um livro repleto de alterações. Consta que desde sua primeira publicação deste Livro de Mórmon até a atual, já ocorreram 3.913 mudanças. (Veja Menu, Mormonismo) Um livro com tantas alterações seria mesmo o mais correto de todos e a pedra angular de nossa religião? Quanto aos livros religiosos das seitas, não cremos que seus autores receberam do Espírito Santo de Deus cada palavra a ser escrita, muito menos quaisquer uma delas. Entre os livros editadospor autores cristãos, poderíamos até crer numa orientação do Espírito Santo, para o autor se expressar biblicamente, mas jamais no sentido de inspiração divina. Aliás, só a Bíblia é inspirada por Deus. (2 Pedro 1:21) Devemos estar atentos às seitas que usam tais livros “inspirados”, pois quando submetidos a um exame à luz da Bíblia, sempre acabam revelando-se como obra humana, repleta de erros. Os Adentistas do Sétimo Dia, por exemplo, crêem nos escritos de sua profetiza Ellen G. White, todavia, ela não é inspirada, mas uma plagiadora de livros. (Veja Adventistas do Sétimo Dia, Menu) Para avançarmos na estrada da vida, ou sermos salvos, precisamos apenas ter fé em Jesus Cristo (João 3:16; Atos 16:30, 31) e não estar em contato com o Corpo Governante das Testemunhas de Jeová, o tal “canal de comunicação entre Deus e os homens”. As cartas de MO, David Berg, o líder já falecido da seita Meninos de Deus (A Família) não são melhores do que a Bíblia. Aliás, David Berg é representado em alguns livros da seita como estando no céu, dormindo com suas netas nuas e às vezes convidando-as para fazerem amor com ele. Uma vergonha! Quanto ao Reverendo Moon e sua seita afirmarem que a Bíblia apenas contém a verdade, ser ser um livro puramente de verdades, dizemos a eles que compartilhamos dos dizeresde Jesus: “A TUA PALAVRA É A VERDADE.” (João 17:17) Se é a verdade, não é mero símbolo da verdade, mas a própria, portanto, os maçons rebaixam a Palavra de Deus. Sobre os Espíritas Kardecistas, temos a dizer que a Bíblia é o nosso guia prático, e nos ensina que está ordenado ao homem morrer uma só vez, depois disso vindo o juízo. (Hebreus 9:27) Agora concordamos que o ensino espírita não rodopia junto à Bíblia, embora osespíritas vivam citando textos dela, sempre mal compreendidos, todos com a intenção de provar a doutrina diabólica da reencarnação, ensino este difundido pelos espíritos, os quais sabemos muito bem quem são: Satanás e seus demônios. Por fim, a Ciência Cristã, com sua líder Mary Baker, disse ser a Bíblia alterada, mas onde estão as provas dela? Será que as variantes dos textos hebraico e grego modificam o sentido original? Ou será que podemos usar todas essas variantes para determinar, por comparação, qual o texto original? Como acreditar numa senhora que afirma ser Satanás uma ilusão. Diz ela: “As crenças da mente humana despojam-na e escravizam-na e depois imputam esse resultado a outra personificação ilusória, chamada Satanás.” (Ciência e Saúde Com a Chave das Escrituras, página 187, perguntas e respostas.) Não são claras as Escrituras sobre a existência de Satanás? Todavia, perguntamos: Em que variantes dos textos hebraico e grego se nega a existência de Satanás?

CONCLUSÃO

Acautele-se contra grupos que usam a Bíblia mas que na verdade o que mais lhe interessam são os escritos de seus líderes ou profetas. Se recebemos a Palavra de Deus como realmente e completamente inspirada por Deus, precisamos ajudar pessoas vítimas dessas e outras seitas acima mencionadas a saírem dali. Está preparado para evangelizá-las?

  • Comentários desativados em As Seitas e a Bíblia
  • 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos)
    Loading...
  • 2342 views
  • Print

Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.

Advertisement