- CACP – Ministério Apologético - http://www.cacp.org.br -

Asaph Borba e Bené na Jornada Mundial da Juventude

A propósito da participação do Asaph Borba e do Benedito Gomes (Bené) na Jornada Mundial da Juventude, tenho a dizer que é difícil julgar esses irmãos, exceto pela Palavra. Alguns pensarão que, por serem muito humildes e homens sérios diante de Deus, o que eles fizeram foi correto e foi por Deus. Outros, já revoltados, podem não admitir isso, pois foram cantar com os idólatras. A verdade é que a Bíblia sempre estará certa e NUNCA cometerá injustiças.

Isaías 42.8 cita o seguinte: “Eu sou o SENHOR; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura”.

Alguns dirão que os amados irmãos não foram louvar imagens de escultura, foram louvar a Jesus. Tudo bem com esse argumento, mas a pergunta que se faz é: Jesus recebe louvor que sai de locais profanos? O cantar no meio de imagens, no meio de atores da Globo, que são também servos de Iemanjá e lá estavam beijando a mão do Papa, estar no meio daquela confusão toda, seria diferente que estar dentro de uma boite de prostituição? Cabe a cada um refletir. Eu tenho minha posição, cada um adote a sua posição. Todos viam uma Big Imagem de Aparecida ao lado dos locais de ministração. Falar, como o Asaph falou, (está no Facebook dele) que a mudança no Brasil passa pela Igreja Católica é muito estranho pra mim que estudo história e sei que essa igreja está no nosso país desde que ele foi descoberto e ela foi e tem sido uma das maiores causas de maldições aqui no Brasil. Isso soou muito estranho também. De qualquer forma, não nos cabe expressar julgamento, mas refletir e aprender com isso. Eu, por mim, to FORA!

Quero que leiam atentamente essa outra passagem: “Todos os artífices de imagens de escultura são vaidade, e as suas coisas mais desejáveis são de nenhum préstimo; e suas próprias testemunhas, nada vêem nem entendem para que sejam envergonhados.” Isaias 44.9. Vejam que as coisas que eles desejam são de nenhum préstimo. Nem a intenção dos católicos tem préstimo algum. Católico e quem quer que use essas idolatrias.

[1] [2]Compartilhar [3]