Esqueceu a senha?

Como distinguir os falsos profetas

por Enviado por email - seg out 12, 7:58 am

A Bíblia reconhece a existência de falsos profetas (Mt 7.15). Muitas seitas declaram ter profetas. Em consequência, a Bíblia exorta a testarmos aqueles que se dizem profetas (1 Jo 4.1-3). Mas, qual a diferença entre um falso profeta e um verdadeiro profeta de Deus?

1) – ele profetizou alguma coisa que não se cumpriu? (Dt 18.20-22);

2) – ele fala e acontece, mas não aponta para Cristo? (Dt 13.1-3)

3) – ele faz contato com os espíritos de mortos? (Dt 18.11);

4) – ele faz uso de meios de adivinhação? (Dt 18.11);

5) – ele se envolve com médiuns e feiticeiros? (Dt 18.10);

6) – ele segue falsos deuses ou ídolos? (Ex 20.3,4; Dt 13.1-3);

7) – ele nega a divindade de Jesus Cristo? (Cl 2.8,9);

8) – ele nega a humanidade de Jesus Cristo? (1 Jo 4.l-3);

9) – suas profecias desviam o foco central da pessoa de Jesus Cristo? (Ap 19.10);

10) – ele advoga a abstenção de certos alimentos e carnes e recomenda o vegetariano, por razões de ordem espiritual? (1 Tm 4.3);

11) – ele reprova ou nega a necessidade do casamento? (1 Tm 4.3);

12) – ele promove a imoralidade? (Jd 7);

13) – ele encoraja o legalismo caracterizado por renúncias auto-impostas? (Cl 2.16-23);

14) – ele ensina que a guarda do sábado é necessária para a salvação? (Cl 2.14-17).

Jesus Cristo adverte contra eles em João 10:12 “O mercenário, a quem não pertence as ovelhas, não é o pastor…”


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement