Esqueceu a senha?

Como os filhos de Hete poderiam estar em Hebrom, em 2050 a.C?

por cacp - sex set 14, 1:37 pm

GÊNESIS 23 – Como os filhos de Hete poderiam estar em Hebrom, em 2050 a.C, sendo que o seu reino situava-se onde hoje é a moderna Turquia?

PROBLEMA: 
Hete foi o progenitor dos hititas, cujo reino se localizou onde hoje é a moderna Turquia. Mas, de acordo com alguma evidência arqueológica, os hititas não se sobressaíram no Oriente Médio antes do reinado de Mursilis I, que começou a reinar por volta de 1620 a.C. e que dominou a cidade de Babilônia em 1600 a.C.

Entretanto, em Gênesis 23 várias referências são feitas ao encontro de Abraão com os filhos de Hete, que controlavam Hebrom no ano de 2050 a.C. aproximadamente. Como então a Bíblia pode dizer que os hititas controlavam Hebrom, muitos anos antes de eles se tornarem uma força significativa nessa região?

SOLUÇÃO:
 Descobertas arqueológicas mais recentes de tábuas cuneiformes descrevem conflitos em Anatólia (hoje Turquia), entre vários principados hititas de cerca de 1950 a 1850 a.C. Mesmo antes desse conflito, entretanto, havia uma raça de não-indo-europeus, conhecida como povo de Hati. Esse povo foi subjugado por invasores indo-europeus por volta de 2300 a 2000 a.C., os quais adotaram o nome Hati. Nas línguas semíticas, como no hebraico, Hati e Hiti tinham a mesma grafia, porque somente as consoantes eram escritas.

Nos dias de Ramsés II do Egito, a força militar dos hititas era suficiente para propiciar um pacto de não-agressão entre o Egito e o império hitita, que estabeleceu limites entre eles. Nesse tempo, o império hitita ia ao sul até Kadesh junto ao rio Orontes (hoje Asi). Entretanto, outras evidências demonstraram que os hititas realmente penetraram mais ainda para o sul, até a Síria e a Palestina. Embora o reino hitita não tenha tido o seu ápice senão na segunda metade do século XIV a.C, há suficiente base para se admitir a presença hitita em Hebrom no tempo de Abraão, controlando aquela área.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement