Esqueceu a senha?

Conhecendo as seitas e heresias

por Pr. Natanael Rinaldi - sex ago 08, 11:11 am

oveja-o-lobo

TEXTO BÁSICO 1 TM 4.1-10

Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência; Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças;
Porque toda a criatura de Deus é boa, e não há nada que rejeitar, sendo recebido com ações de graças. Porque pela palavra de Deus e pela oração é santificada. Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Jesus Cristo, criado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido. Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas, e exercita-te a ti mesmo em piedade; Porque o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir. Esta palavra é fiel e digna de toda a aceitação; Porque para isto trabalhamos e somos injuriados, pois esperamos no Deus vivo, que é o Salvador de todos os homens, principalmente dos fiéis. 1 Timóteo 4:1-10

 

O QUE DISSE LUTERO

“Se não houvesse seitas, pelas quais o Diabo nos despertasse, tornar-nos-íamos demasiadamente preguiçosos e dormiríamos roncando para a morte.  A fé e a Palavra de Deus seriam obscurecidas e rejeitadas em nosso meio. Agora, essas seitas são para nós como esmeril para nos polir; elas nos amolam e estão lustrando nossa fé e nossa doutrina, para se tornarem limpas como um espelho brilhante. Também chegamos a conhecer Satanás e seus pensamentos e seremos hábeis em combatê-lo. Assim a palavra de Deus torna-se mais conhecida.” (O Caos das Seitas, p. 282)

SEITAS E HERESIAS – DEFINIÇÃO

O que é uma SEITA? Partido, facção, falsa organização religiosa.

Grupo de pessoas que crê, segue e defende uma facção religiosa fundamentada em doutrinas ilegítimas (heresia);

O que é HERESIA? Idéias adulteradas ou doutrinas espúrias, falsas, ilegítimas; Conjunto de doutrinas não condizentes com a Bíblia e com os princípios elementares da Palavra de Deus.

RESUMINDO: SEITA refere-se a um grupo de pessoas; HERESIA indica as doutrinas ilegítimas defendidas pelo grupo.

  1. Uma seita é uma heresia organizada.

2. Basicamente, seitas são movimentos religiosos que distorcem ou desvirtuam uma fé ortodoxa, adulterando suas doutrinas originais de forma ilegítima, promovendo heresias.

 

SEITAS NOS DIAS DE JESUS

Nos dias de Jesus havia seitas como a dos fariseus, saduceus, herodianos, essênios, zelotes (At 5.17; 15.5; Mt 22.16). Fariseus e saduceus tinham doutrinas diferentes como é apontado em Atos 23.8.

Paulo, quando se despedia da Igreja de Éfeso, apontou a chegada de falsos líderes vindos de fora do cristianismo como também surgidos de dentro do próprio cristianismo. Sobre os tais denominados de “lobos cruéis” ele advertiu: (At 20.28-30; Gl 1.8,9; 1 Tm 4.1,2; 2 Tm 4.3,4. Da mesma forma o fizeram o apóstolo Pedro 2 Pe 2.1-3; o apóstolo João 1 Jo 4.1-3 e   apóstolo Judas em Jd 3 ).

FORMAS DE DOUTRINAS

A Bíblia apresenta três formas de doutrina: uma é a doutrina de Deus (Tt 2.10); outras são: a doutrina de homens (Mt 15.9; Cl 2.22); e a doutrina de demônios  1Tm 4.1,2). As duas últimas são perniciosas e nocivas.

MEIOS DE IDENTIFICAÇÃO DE UMA SEITA

As quatro operações de matemática nos ajudam a identificar uma seita. As quatro operações são:

1 Adição: são consideradas seitas as que embora se utilizem da Bíblia apresentam os ensinos que são do fundador ou de  líder ou ainda de um suposto profeta ou profetisa dando a eles uma como de igual ou valor maior do que a própria Bíblia; (Ap 22.18; Pv 30.5,6)

2 Subtração:. Rebaixam a pessoa de Jesus negam que Jesus tenha   um corpo humano real ou que tenha uma natureza divina igual a de Deus, o Pai (Is 7.14; 9.6 comparado com Mt 1.21-23);

  1. Multiplicação: Afirmam crer na obra vicária e expiatória de Jesus, mas negam-lhe eficácia absoluta. Multiplicam esforços humanos para complementar a obra de Cristo. (Hb 7.25; 9.11,12; 10.10,12)
  2. Divisão: Afirmam que a salvação está na igreja ou organização religiosa e não apenas em Jesus. Dividem assim a fidelidade a Deus com a organização ou igreja a que pertencem. (Jo 6.66-68).

 

É PERSEGUIÇÃO RELIGIOSA EXPOR OS ERROS DAS SEITAS?

Uma pessoa que se propõe apontar os ensinos errados de outros grupos religiosos pode ser tida como perseguidora? Vejamos o que dizem os adeptos de seitas. Vamos citar um exemplo das testemunhas de Jeová:

“Pode haver perseguição religiosa? Não é forma de perseguição religiosa alguém dizer e mostrar que a religião de outrem é falsa. Não é perseguição religiosa uma pessoa informada expor publicamente uma religião falsa, permitindo assim que outros vejam a diferença entre a falsa religião e a verdadeira. Mas, a fim de fazer a exposição precisa usar meios autorizados de julgamento, uma regra de medir que não se prove falha. Expor publicamente uma falsa religião é certamente de mais valor do que expor uma falsa reportagem; é um serviço público em vez de perseguição religiosa, tendo a ver coma vida eterna e com a felicidade do povo. Ainda deixa o povo livre para escolher.(A Sentinela,  15-5-1964, p. 304)

 

SITUAÇÃO  ATUAL DO MUNDO RELIGIOSO

Existem 11 grandes religiões mundiais: hinduísmo, cristianismo, judaísmo, taoismo, xintoismo, budismo, islamismo, jainismo, siquismo, zoroastrismo, confucionismo.

As seitas existentes são em mais de 10 000 em todo o mundo.

Classificam-se as seitas em:

Pseudo-cristãs: catolicismo, testemunhas de Jeová, mormonismo, adventismo, Igreja Local, A Família (Meninos de Deus), Ciência Cristã, Tabernáculo da Fé, Igreja Voz da Verdade,

Espíritas: Kardecismo, LBV, Racionalismo Cristão, Cultura Racional, Cientologia, Santo Daime.

Secretas: Maçonaria, Rosa Cruz, Teosofia, Circulo Esotérico da Comunhão do Pensamento, Gnosticismo, Nova Era.

Afro-brasileiras: Umbanda, Quimbanda, Candomblé, Voduísmo.

Orientais (do Japão): Perfeita Liberdade, Igreja Messiânica Mundial, Seicho No Ie, Arte Mahikari.

Orientais (India): Meditação Transcendental, Movimento Hare Krishna.

Orientais (Coréia): Igreja da Unificação.

 

COMO DISTINGUIR OS FALSOS PROFETAS

A Bíblia reconhece a existência de falsos profetas (Mt 7.15). Muitas seitas declaram ter profetas. Em conseqüência, a Bíblia exorta a testarmos aqueles que se dizem profetas (1 Jo 4.1-3). Mas, qual a diferença entre um falso profeta e um verdadeiro profeta de Deus?

  1. ele profetizou alguma coisa que não se cumpriu? (Dt 18.20-22);
  2. ele faz contato com os espíritos de mortos? (Dt 18.11);
  3. ele faz uso de meios de adivinhação? (Dt 18.11);
  4. ele se envolve com médiuns e feiticeiros? (Dt 18.10);
  5. ele segue falsos deuses ou ídolos? (Ex 20.3,4; Dt 13.1-3);
  6. ele nega a divindade de Jesus Cristo? (Cl 2.8,9);
  7. ele nega a humanidade de Jesus Cristo? (1 Jo 4.l-3);
  8. suas profecias desviam o foco central da pessoa de Jesus Cristo? (Ap 19.10);
  9. ele advoga a abstenção de certos alimentos e carnes e recomenda o vegetariano, por razões de ordem espiritual? (1 Tm 4.3);
  10. ele reprova ou nega a necessidade do casamento? (1 Tm 4.3);
  11. ele promove a imoralidade? (Jd 7);
  12. ele encoraja o legalismo caracterizado por renúncias auto-impostas? (Cl 2.16-23);
  13. ele ensina que a guarda do sábado é necessária para a salvação? (Cl 2.14-17).

Uma resposta positiva a qualquer uma destas perguntas é uma indicação de que o que o profeta diz não procede de Deus. Deus não fala nem corrobora com nada que seja contrário ao seu caráter e aos seus mandamentos. Enciclopédia MANUAL POPULAR de Dúvidas, enigmas e ‘Contradições’ da Bíblia, p. 132,133).


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.

Advertisement