Esqueceu a senha?

Não acredite no “Corpo Governante” das TJs

por Enviado por email - ter abr 09, 12:40 am

Todo bom brasileiro conhece o famoso chavão governamental que diz: “O Ministério da Saúde adverte: …” trazendo na sequencia uma frase, de alguma pratica, atitude, que leva a um maleficio para as pessoas que as praticam. Mesmo uma pessoa leiga sobre a questão relacionada à saúde, fica atenta ou no mínimo avisada pelo órgão máximo da saúde do país, a maior autoridade nesta área a qual outros órgãos e pessoas relacionadas à área medica deve se submeter ou no mínimo respeitar.

Curiosamente as Testemunhas de Jeová, tem o seu “ministério da saúde”, o Corpo governante, à qual devem receber a indicação do “alimento espiritual no tempo apropriado” como dizem. O mesmo além de servir esse “alimento”, também diz no que se deve acreditar ou não! Parece absurdo o que estou afirmando? Mais e isso mesmo! Existem ensinos que podem aparecer nas revistas e publicações recentes das testemunhas de Jeová que as mesmas não devem crer mais!

Para comprovar essa assertiva, veja uma mudança recente de doutrina que as Testemunhas de Jeová criam e não creem mais. O texto pode ser lido na integra no endereço eletrônico oficial das Testemunhas de Jeová:

http://www.jw.org/pt/noticias/eventos-e-atividades/relatorio-reuniao-anual-2012/

“Quem é realmente o escravo fiel e discreto?”

Jesus não estava se referindo a uma única pessoa, mas sim a um “escravo” composto — um grupo que trabalharia em conjunto como um só corpo. Jesus disse que o escravo (1) seria designado para uma função de supervisão “sobre os . . . domésticos [do amo]” e (2) daria aos domésticos “alimento [espiritual] no tempo apropriado”.

DESDE 1919, SEMPRE HOUVE UM PEQUENO GRUPO DE CRISTÃOS UNGIDOS NA SEDE MUNDIAL DAS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ.. ELES TÊM SUPERVISIONADO NOSSA OBRA MUNDIAL DE PREGAÇÃO E ESTADO DIRETAMENTE ENVOLVIDOS NA PREPARAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DO ALIMENTO ESPIRITUAL. EM ANOS RECENTES, ESSE GRUPO TEM SIDO IDENTIFICADO COMO O CORPO GOVERNANTE DAS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ. (ênfase acrescentada)

As evidências apontam para a seguinte conclusão: o “escravo fiel e discreto” foi designado sobre os domésticos de Jesus em 1919. Esse escravo é o pequeno grupo de irmãos ungidos que servem na sede mundial durante a presença de Cristo e que estão diretamente envolvidos na preparação e distribuição do alimento espiritual. Quando os membros desse grupo trabalham em conjunto como Corpo Governante, eles atuam como o “escravo fiel e discreto”. (ênfase acrescentada)

Através de cartas as congregações, as Testemunhas de Jeová já estão cientes desse novo ensino, desta nova “luz”, e que à crença anterior de que os apóstolos eram o corpo governante de sua época não deve ser mais crida.

Até aqui nenhuma grande novidade, a não ser quando fui ler a edição de “A Sentinela” – Edição de Estudo – Fevereiro de 2013, na matéria “Você dá valor a sua herança espiritual?”, na pagina 8, também pode ser conferida no endereço eletrônico:

http://www.jw.org/pt/publicacoes/revistas/w20130215/da-valor-a-heranca-espiritual

Uma declaração que destoa deste ensino exposto acima:

NUMA reunião histórica do corpo governante em Jerusalém em 49 EC (ênfase acrescentada), o discípulo Tiago disse: “Simeão [Pedro] tem relatado cabalmente como Deus, pela primeira vez, voltou a sua atenção para as nações, a fim de tirar delas um povo para o seu nome. E com isso concordam as palavras dos Profetas, assim como está escrito: ‘Depois destas coisas voltarei e reconstruirei a barraca de Davi, que está caída; e reconstruirei as suas ruínas e a erguerei de novo, a fim de que os remanescentes dos homens possam buscar seriamente a Jeová, junto com pessoas de todas as nações, pessoas chamadas por meu nome, diz Jeová, que está fazendo estas coisas, conhecidas desde a antiguidade.’” — Atos 15:13-18.”

Mais afinal de contas??? Vai perguntar alguém: No que deve ser crido agora? Que o corpo governante surgiu em 1919 conforme ensinado no final de 2012 ou que realmente existiu no I século, conforme a declaração acima em 2013?

Provavelmente, se questionarmos uma testemunha de Jeová sobre o exposto acima, imagino que ela deve se esquivar da acusação de contradição dizendo:

“Nossas literaturas passam por um processo de edição com muita antecedência, por esse motivo o ensino anterior não pode ser removido antes da impressão”.

Isso realmente pode até ser verdade, mais ai temos dois problemas:

1. Porque na edição online, continua a mesma frase, mesmo após mais de dois meses de lançada e publicada no site?

2. Então dentro da literatura das testemunhas de Jeová podemos ter ensinos que não devem ser cridos!!!

O grande problema da sociedade e que se firmassem sua fé somente na palavra de Deus e não na interpretação de um grupo seleto de pessoas não ficaria nesta triste inconstância, oremos e apresentemos a elas a verdade!

“Não vos deixeis levar em redor por doutrinas várias e estranhas, porque bom é que o coração se fortifique com graça, e não com alimentos que de nada aproveitaram aos que a eles se entregaram.” – Hb 13.9

Isaque Tavares


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

2 Comentários

Comentários 1 - 2 de 2Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. existe hoje uma razão que vos está protegendo da violência dos vossos argumentos: A verdade que paira no ár deste século, sob a forma de espírito, para dár a oportunidade a todo o ser humano, de se integrar na misericordia Divina, para um novo mundo sem este governante maldito..

  2. Não acreditem nos 300 padres pedófilos do estado de Califórnia, EUA.
    Acreditem no reverendo Kevin Anett, o ex-padre denunciante do genocídio de aborígenes do Canadá pela Igreja Unida.
    Não acreditem no Banco IOR que já esteve envolvido no financiamento do terrorismo no oriente médio.

Comentários 1 - 2 de 2Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement