Esqueceu a senha?

Cristianismo X Adventismo (Juízo Investigativo)

por Pr. Natanael Rinaldi - sáb set 15, 6:15 pm

Prezado Azenilto: Ora, você declara que nos seus 40 anos de adventista não encontrou nenhum dele que tema o problema do Juizo Investigativo. Para que temer a doutrina estrambótica do Juizo investigativo (Hb 13.9) se o adventista pensa que vai dormir tranquilo na sepultura escura e sem consciência do tormento do Hades (Lc 16.19-31)?

Depois, aniquilamento final, igualzinho aos TJs, que dizem abominar.

Tudo igual.

Como castigo de crer na famigerada doutrina do Juizo Investigativo, para fugir da alegação de falsos profetas desde que anunciaram a segunda vinda de Jesus à terra e tal não se deu, uma escapadela Hiram Edson, invisibilizou a segunda vinda de Jesus, que, saiu do primeiro compartimento do santuário celestial, e entrou no segundo no dia 22 de outubro de 1844.

Como crer que a obra de Jesus na cruz (Cl 2.14-17) não foi concluída e seja coisa superflua e que não implica em perda da salvação?

Só se for na sua Bíblia porque na minha Bíblia diz ao contrário: (I Pedro 2:24) – “Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados.”

(Hebreus 9:11) – Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação,

(Hebreus 9:12) – Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.”

(Hebreus 9:24) – Porque Cristo não entrou num santuário feito por mãos, figura do verdadeiro, porém no mesmo céu, para agora comparecer por nós perante a face de Deus;

(Hebreus 9:25) – Nem também para a si mesmo se oferecer muitas vezes, como o sumo sacerdote cada ano entra no santuário com sangue alheio;

(Hebreus 9:26) – De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo.

Quando você pensa ter sido escrito o livro de Hebreus?

Lá pelo ano 60 DC e até 1844 os adventistas o retiveram no primeiro compartimento do santuário celestial. E o auto-denominado “professor” com 40 anos de adventista ainda afirma hereticamente: “NÃO É PONTO DE SALVAÇÃO”.

Realmente, Azenilto, polemizar com você é perder tempo, mas tenho pena de sua ainda alma suja de pecado porque não obteve a redenção que Cristo já concluiu no Calvário.

O autor da epístola aos Hebreus escreveu mais:

(Hebreus 10:8) – Como acima diz:
Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei).

(Hebreus 10:9) – Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo.”

(Hebreus 10:10) – Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do
corpo de Jesus Cristo, feita uma vez.

(Hebreus 10:11) – E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e oferecendo muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca podem tirar os pecados;

(Hebreus 10:12) – Mas este, havendo oferecido para sempre um único sacrifício pelos pecados, está assentado à destra de Deus,”.

Leu com atenção? Sempre o escritor de Hebreus citando a obra da redenção concluída no passado?

E o adventista ingênuo,que se vale mais dos escritos de EGW, não
enxerga. Está esperando Jesus concluir a obra da redenção um pouco antes da sua volta quando terminar o famigerado Juizo Investigativo, segundo o ensino de EGW no seu livro O GRANDE CONFLITO.

Desculpe-me perguntar Azenilto: quantas vezes V. S. leu esse livro?

Dê uma uma olhada é pelas páginas 420, 489 dependendo da edição e verá
que miséria ter que admitir que a obra da redenção de Jesus não está concluída.

Jesus à destra de Deus ao subir ao céu, 40 dias depois da sua ressurreição, (At 1.3,9-11) e os adventistas o mantiveram até 22 de outubro de 1844 no primeiro compartimento do santário celestial para encobrir o erro profética da volta de Cristo profetizada para essa data. (Mt 24.4,5)

Mas, finalmente o que dizer para alguém que se vale da Bíblia superficialmente e tem o desplante de confessar que na verdade não crê ser a Bíblia inerrante.

Não é perder tempo?

Muito espontaneamente ele confessa:

“Não cremos em INERRÂNCIA BÍBLICA, como não cremos em inerrância nos escritos e Ellen White.”

Pergunto: isso não é hipocrisia religiosa?

Citar um livro que se crê não ser 100% correto?

Até parece que estou lendo uma declaração de um espírita kardecista porque
procuram apoiar a reencarnação e a mediunidade com a Bíblia mas confessar que não crêem em tudo o que a Bíblia declara. Nem as herejes testemunhas de Jeová fazem declaração tão blasfema. Se dizemos que a Bíblia foi inspirada por Deus (2 Tm 3.16; 1Ts 2;13) e ela contém erros, por que a citamos como prova da nossa fé?

O que diz, Azenilto?

E eu sou caluniado com as belas declarações dele, como é próprio do seu caráter, quando afirma: “o desonestíssimo Rinaldi…” Não esqueça de Mt 12.36,37

Pr.Natanael Rinaldi


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

4 Comentários

Comentários 1 - 4 de 4Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Parabéns pastor Rinaldi pela bela refutação deste erege que deveria abrir os olhos e ouvidos porque o Senhor Jesus em breve voltara 

  2. Legal a matéria. Gostei.

  3. os adventistas piram, lendos os artigos do ilustre pr Natanel Rinaldi. sempre tomaram surra deste homem de Deus, que dedicou sua vida inteira a destruir os argumentos das seitas.

  4. O problema dos adventista é por que vivem na antiga lei, e não podem desfrutar da graça que o perfeito e completo sacrifício de Cristo comprou para os que reconhecem.

Comentários 1 - 4 de 4Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement