Esqueceu a senha?

EG White disse ou não que Enoque está em Saturno?

por Pr. João Flávio Martinez - qui jul 16, 11:20 pm

“O Senhor me proporcionou uma vista de outros mundos. Foram me dadas asas e um anjo me acompanhou da cidade a um lugar fulgurante e glorioso. A relva era de um verde vivo e os pássaros gorjeavam ali cânticos suaves. Os habitantes do lugar eram de todas as estaturas; nobres, majestosos e formosos. Os habitantes do lugar eram de todas as estaturas; nobres, majestosos e formosos. Ostentavam a expressa imagem de Jesus e seu semblante irradiava santa alegria, que era uma expressão da liberdade e felicidade do lugar. Perguntei a um deles por que eram muito mais formosos que os da Terra. A resposta foi: ‘Vivemos em estrita obediência aos mandamentos de Deus, e não caímos em desobediência, como os habitantes da Terra’… Vi, então, duas árvores. Uma se assemelhava muito à árvore da vida, existente na cidade. O fruto de ambas tinha belo aspecto, mas o de uma delas não era permitido comer. Tinham a faculdade de comer de ambas, mas era-lhes vedado comer de uma. Então, meu anjo assistente me disse: ‘Ninguém aqui provou da árvore proibida; se, porém, comessem, cairiam… Então fui levada a um mundo que tinha sete luas. Vi ali o bom e velho Enoque, que tinha sido trasladado”. (White, E. G. Primeiros Escritos, p. 40; ed 1995)

No capítulo “Outro testemunho na visão dos planetas”, do livro O Grande Movimento Adventista, de J. N. Loughborough, temos a carta datada de 27 de janeiro de 1891 da Sra. Truesdail, que se encontrava presente quando Ellen White, em visões, descreveu planetas para o cético capitão Bates: “Esta foi sua primeira visão sobre o mundo estelar. Após contar em voz alta as luas de Júpiter e, logo após, as de Saturno, ela nos deu uma bela descrição dos anéis deste último”. (Loughborough, J. N. O Grande Movimento Adventista. Oregon: Adventist Pioneer Library, 2014, p. 218.)

“Todos sabíamos que o capitão Bates era um grande amante da astronomia, pois frequentemente localizava muitos corpos celestes para nos instruir. Após a visão, quando a irmã White lhe disse, em resposta às suas perguntas, que ela nunca havia estudado ou adquirido qualquer conhecimento nesse sentido, ele se encheu de felicidade e alegria. Louvou a Deus e expressou sua crença de que essa visão, acerca dos planetas, foi dada para que ele nunca mais duvidasse”. (Loughborough, J. N. O Grande Movimento Adventista, p. 218-219.)

É bem conhecido que muitos esperavam que o Senhor viesse no 7º mês de 1845. Que Cristo viria então nós acreditamos firmemente. Uns poucos dias antes, eu estava em Fairhaven, e Dartmouth Mass., com uma mensagem sobre este ponto do tempo. Neste momento, Ellen estava com o banda em Carver, Mass., onde ela viu em visão, que deveríamos ficar desapontados, e que os santos devem passar pelo “tempo da angústia de Jacó”, que era futuro. Sua visão do problema de Jacó era inteiramente nova para nós, assim como para ela mesma. Em nossa conferência em Topsham, Maine, em novembro passado, Ellen teve uma visão das obras úteis de Deus. Ela foi conduzida ao planetas Júpiter, Saturno, e acho que mais um. Depois que ela saiu da visão, ela poderia dar uma descrição clara dessas luas , etc. É conhecido que ela não sabia nada de astronomia, e não podia responder a uma questão em relação aos planetas, antes que ela tivesse essa visão. (Livro Mensagem ao Pequeno Rebanho, Autores: Joseph Bates, James White e EG White, Pg 36) – Clique aqui e baixe o livro em Inglês


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement