Esqueceu a senha?

Heresias que afrontam a Família

por Pr. João Flávio Martinez - qua set 17, 10:27 am

familia-culto-domestico

  • Mas, se alguém não cuida dos seus, e especialmente dos da sua família, tem negado a fé, e é pior que um incrédulo”. I Tm 5.8
  • Os Inimigos da Família – 01

A falta de Deus é o inimigo número um do lar. Ele se revela quando o ambiente em casa é destituído de espiritualidade. Quando Deus está presente no lar, sente-se uma atmosfera diferente, agradável e santa. O pai e a mãe se unem aos filhos para servirem ao Senhor. Deus é o hóspede invisível, mas real, que domina o ambiente da família. Em cada canto da casa, pode-se sentir Deus. Há harmonia entre todos. Há louvores. Há devoção sincera ao Senhor. As coisas de Deus são colocadas em primeiro lugar e o lar é uma continuação da igreja.

  • Porém eu e a minha casa serviremos ao Senhor. (Js 24.15)

 

  • Os Inimigos da Família – 02

O Que Seu Filho Vê na TV?

Um mundo de imaginação e fantasia fascina as crianças que todos os dias estão atentas às imagens do aparelho de TV. Uma máquina inventora de sonhos, que muitas vezes ocupa o espaço do carinho da família e que cria heróis agressivos e violentos capazes de influenciar o comportamento infantil.

  • “Instrui o menino no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele”. (Pv 22.6)

 

  • Os Inimigos da Família – 03

Perigo na Internet para crianças e adolescentes

Oito por cento dos menores revela seu correio eletrônico para qualquer pessoa e mais de 5% já foi assediado por uma pessoa conhecido através da Internet… O mais grave é que 76,2% acessam a Internet sem a supervisão de um adulto e apenas 21,2% têm algum tipo de controle familiar. Do total, 64,4% navegam de uma a duas horas por dia. A maioria, 55%, navegam pela rede com o objetivo de bater papo, 41,6% para jogar, 27,2% para buscar informações, 24,1% para revisar seu correio eletrônico e só 20,2% para estudar… O perigoso é que 8% dos entrevistados respondeu que revela seu endereço eletrônico para qualquer pessoa. E mais: 12,3% já foi a um encontro com uma pessoa conhecida através do bate-papo… Finalmente, 30,5% das crianças e adolescentes entrevistados assinala que têm acesso a material pornográfico, e, deste grupo, 92,9% fizeram através de uma cabine pública.

http://www.adital.com.br/site/noticia.asp?lang=PT&cod=15740

 

  • Os Inimigos da Família – 04

O Homossexualismo

“Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.  E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm…” (Rm 1.24-28; – cf. 1 Co 6.9 – 11 e 1 Tm 1.8 – 11. )

 

Vigiando a Família

  1. Ter no lar uma vida de oração.
  2. Realizar o culto doméstico, adorando a Deus com a família.
  3. Cultivar e estimular no lar a leitura da Bíblia Sagrada.
  4. Levar a família, cedo, ao ambiente sadio da igreja.
  5. Estar vigilante quanto às “astutas ciladas do Diabo” contra o lar.
  6. Combater todas as formas de infiltração do materialismo ateu, seja por via da escola, dos meios de comunicação (tevê) ou de outras pessoas.
  7. Levar a família a ocupar-se no serviço do Senhor.

 

Aplicações para a vida da Família – 01

  1. Vamos concluir este estudo, procurando entender que precisamos nos precaver e proteger nossas famílias destas influências nocivas provenientes de religiosidades que até se identificam como cristãs, mas que estão muito longe de o serem. A melhor maneira de fazê-lo é tomando o caminho do biblicamente correto. Se seguirmos a Bíblia com inteireza de coração, evitaremos o risco da queda nas armadilhas dos movimentos religiosos contemporâneos.
  2. A família, pela Bíblia, deve buscar uma vida de santidade – Temos a recomendação paulina de que devemos nos purificar, e aperfeiçoar a santidade, no temor de Deus (2Co 7.1), pois foi para a santificação que Deus nos chamou (ITs 4.7). Além disso, seguir a santificação é condição para ver o Senhor (Hb 12.14). Uma vida de santidade nos ajuda a vencer as heresias do mundo presente.
  3. A família, pela Bíblia, deve examinar tudo e reter o que é bom – Precisamos também, como famílias cristãs, aprender a exercer uma consciência crítica sobre tudo o que está ao nosso redor, à semelhança da atitude dos bereanos que examinavam tudo para saber se estava escrituristicamente correto (At 17.11); e por a prova todas as coisas, retendo o que for bom, como recomendou Paulo (1Ts 5.21).

 

Aplicações para a vida da Família – 02

  1. A família, pela Bíblia, deve ter cuidado com os ventos de doutrina – Não é de hoje que novos ventos de doutrina destelham casas por aí.  A família cristã precisa se fortalecer para não ser levada como “meninos inconstantes”, “ao redor, por todo vento de doutrina” (Ef 4.14).
  2. A família, pela Bíblia, deve seguir a sã doutrina – Existem homens que são contrários a “sã doutrina” (ITm 1.10). A família cristã deve permanecer firme na “doutrina dos apóstolos” (At 2.42), à semelhança dos crentes do primeiro século, e viver o Evangelho com integridade.
  • Conclusão

“A família é o espaço aonde o AMOR se aventura na guerra contra o egoísmo, o orgulho e a falsidade”.

Veja o vídeo:


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.

Advertisement