Esqueceu a senha?

“islâmicos repudiam publicação de nova charge de Maomé”

por Artigo compilado - qui jan 15, 10:12 am

nova charge de maomé o bandido

A decisão do Charlie Hebdo de publicar uma nova charge de Maomé na capa da edição histórica que foi às bancas hoje (14) gerou reações de líderes islâmicos em todo o mundo. O secretário-geral da Organização para a Cooperação Islâmica, Iyad Amin Madani, qualificou a atitude do jornal de “insolente, ignorante e irresponsável”.

Ele disse que o mundo islâmico não só condenou os ataques terroristas que aconteceram na última semana na França, como participou, por meio de cidadãos e líderes, da marcha que reuniu 1,5 milhão de pessoas em Paris. “Mas ao mesmo tempo nós vemos que, no dia seguinte, o jornal voltou a publicar desenhos de Maomé. Isso é uma insolência, uma ignorância e uma irresponsabilidade. Pessoas marcharam pela sua liberdade de expressão, mas essa liberdade não pode atingir a crença de outras pessoas”, enfatizou Madani.

O ministro do Exterior do Irã, Mohammad Javad Zarif disse que “valores e crenças precisam ser respeitadas para que haja um diálogo sério com o Ocidente”.

Nota: Ou seja, os líderes muçulmanos estão dizendo que concordaram com o assassinato de 17 pessoas por causas das charges críticas ao seu profeta. Isso só revela que o islã é uma religião perigosa, assassina e antissocial.

Clique aqui e veja como o Alcorão é um livro sanguinário.

Extraído do site da Isto É em 15/01/2015


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement