Esqueceu a senha?

Jesus se casou?

por Artigo compilado - sáb set 26, 10:09 am

Em uma época de falta de instrução histórica e bíblica, é cada vez mais comum perpetuar a ideia de que Jesus foi casado. O papel da “Sra. Jesus” nessas representações fantasiosas é desempenhado com mais frequência por Maria Madalena. Mais recentemente, o romance best-seller de Dan Brown, O Código da Vinci, recebeu mais atenção pela repetição de seu conto esgotado. Em contradição com as declarações de estudiosos sensacionalistas, as evidências demonstram que o mito do Jesus casado é nada mais do que um revisionismo histórico radical.

Primeiro, não há uma centelha de evidência de que Jesus já foi casado nas Escrituras, em escritos da Igreja Primitiva ou em registros extrabíblicos da vida de Jesus. Ao contrário da menção precipitada do personagem Teabing, de Dan Brown, acerca de “inúmeras referências a Jesus e à união com Madalena”, não existe absolutamente nenhuma.

Além disso, os dois documentos citados com mais frequência para apoiar o mito do Jesus casado — o Evangelho de Filipe e o Evangelho de Maria Madalena — não só foram escritos tarde demais para serem considerados confiáveis, como também não especificam nem sugerem que Jesus e Maria Madalena foram mesmo casados.

Por fim, enquanto nenhuma evidência do registro histórico apoia a ideia de que Jesus foi casado, o Novo Testamento contém fortes evidências de que Ele não foi. Em 1Coríntios 9.5, Paulo defende seu direito de ter uma esposa apelando para o fato de que Pedro e outros apóstolos tinham: “Não temos nós direito de levar conosco uma mulher irmã, como também os demais apóstolo, e os irmãos do Senhor, e Cefas?” Se Jesus tivesse se casado, seria inimaginável que Paulo negligenciasse apelar a Ele como precedente máximo. Por essa razão, Paul Maier, professor de história antiga na Western Michigan University, convenientemente se refere a 1Coríntios 9.5 como o “cemitério da ficção do Jesus casado”.

“Ele, porém, lhes disse: Nem todos podem receber esta palavra, mas só aqueles a quem foi concedido. Porque há eunucos que assim nasceram do ventre da mãe; e há eunucos que foram castrados pelos homens; e há eunucos que se castraram a si mesmos por causa do Reino dos céus. Quem pode receber isso, que o receba” (Mateus 19.11-12).

Pr. Hank Hanegraaff


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement