Esqueceu a senha?

Malarkey não foi para o céu

por Julio Severo - ter jan 20, 10:38 am

livro menino céu

Escritor de livro best-seller mentiu sobre ir para o céu

Se você acredita que um nome negativo pode trazer maldição, considere Alex Malarkey, que diz agora que ele não morreu e foi para o céu.

Ele é co-autor do livro “The Boy Who Came Back From Heaven” (O menino que voltou do céu), publicado pela editora evangélica americana Tyndale House Publishers em 2010. Agora ele diz que seu livro é mentiroso e está culpando os varejistas cristãos por vendê-lo. Pelo fato de que ele está desmentindo o testemunho de sua visita ao céu, os mega-veículos de comunicação internacional — desde a revista Time ao DailyMail — estão cobrindo o caso dele.

Essa parece a chance de ouro deles dizerem: “Ei, não existe Céu!”

Eu não sei a razão para Malarkey cometer “malarkey” — que é uma palavra inglesa que significa “Conversa tola ou exagerada, que tem a intenção de enganar.” Mas o mesmo mundo que adora mentiras exageradas está atacando a malarkey do Malarkey.

Há hoje uma tendência de malarkeys homossexuais, mas a mesma mega-mídia que está condenando “O menino que voltou do céu” simplesmente adora acreditar que um homem é uma mulher e vice-versa. Eles estão trabalhando intensamente para nos convencer de que a mulher falsificada que nasceu homem é mulher. E eles estão trabalhando para mudar mentes e leis em favor dessa mentira.

As malarkeys homossexuais são as mentiras favoritas hoje.

Acerca de “O menino que voltou do céu,” só porque vemos um testemunho falso, não significa que todos os testemunhos sobre o Céu são falsos. Diferente é o caso homossexual. Sabemos que todos os homens que dizem que são do sexo feminino são mentirosos porque o DNA deles é do sexo masculino. Nada pode mudar isso. Através do DNA, a ciência prova que um homem é um homem e uma mulher é uma mulher. Ninguém pode mentir contra seu próprio DNA.

O autor de “O menino que voltou do céu” mentiu para Deus, mas a mentira dele não desqualifica outros testemunhos acerca do Céu.

Dois dias atrás li um comentário de Facebook de um líder americano-brasileiro da Assembleia de Deus nos EUA usando “O menino que voltou do céu” para condenar todas as experiências espirituais semelhantes. Ao mesmo tempo, ele usa seu Facebook para promover e apoiar comentários e opiniões de um pastor presbiteriano que adere ao socialismo e maçonaria. Aliás, ele próprio é um pastor maçom.

No passado (uns 70 anos atrás?) seria perfeitamente normal ver um pastor presbiteriano maçom esquerdista usando um falso testemunho para condenar todos os testemunhos espirituais — e, a propósito, para condenar também os pastores da Assembleia de Deus.

Os tempos mudaram. Agora um pastor da Assembleia de Deus faz o velho papel do pastor presbiteriano maçom.

É infeliz que Malarkey se comportou de forma malarkey, mas a Palavra de Deus nunca mudou.

“Não apagueis o fulgor do Espírito!  Não trateis com desdém as profecias, mas, examinai todas as evidências, retende o que é bom. Afastai-vos de toda a forma de mal.” (1 Tessalonicenses 5:19-22 KJA)

A grande mídia socialista que adora e espalha todas as malarkeys homossexuais está usando a malarkey do Malarkey para desqualificar todos os testemunhos cristãos sobre o Céu.

Os cristãos não deveriam ser cúmplices das malarkeys deles.

Temos de rejeitar as malarkeys no nosso meio sem rejeitar os testemunhos verdadeiros. E temos de rejeitar e denunciar todas as malarkeys promovidas pela grande mídia socialista.

Quanto a Alex Malarkey, ele deveria mudar seu sobrenome — Falaverdade, por amor a um bom testemunho cristão.

O mundo perdoa todas as mentiras homossexuais, mas nunca perdoa uma mentira “cristã.”

Eu sei que todos os testemunhos — amados e promovidos pela grande mídia socialista — de que um homem é mulher são falsos.

Mas não tenho nenhum direito arrogante de dizer que todos os testemunhos sobre o Céu são falsos ou verdadeiros. A grande mídia socialista quereria que crêssemos que todos eles são falsificados.

Se a mídia estivesse correta, o Apóstolo Paulo, que foi ao Céu, teria sido um mentiroso. O problema é: a mídia adora mentiras.

Eles aceitam os testemunhos mentirosos das trevas e rejeitam os testemunhos dos cristãos. Para eles, não há malarkeys sobre a homossexualidade. Para eles, algumas malarkeys entre cristãos são evidência de que todos os testemunhos cristãos são falsificados.

Todas as malarkeys homossexuais recebem tratamento celestial da grande mídia socialista. Independentemente de sua natureza verdadeira ou falsa, os testemunhos cristãos são rotulados de malarkeys e recebem tratamento infernal.

A grande mídia socialista está fazendo a maior festa contra os testemunhos cristãos e o Céu por causa de Malarkey enquanto prossegue suas celebrações costumeiras de malarkeys homossexuais.

Versão em inglês deste artigo: Malarkey Did Not Go to Heaven: The Foolishness of Believing that All is False or True

Fonte: www.juliosevero.com


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement