Esqueceu a senha?

Não existe Juízo Investigativo sobre os cristãos

por Enviado por email - ter maio 22, 2:14 pm

Algumas razões pelas quais não existe um Juízo Investigativo sobre os cristãos

1) Daniel 8.14 não trata de 2300 anos literais, mas de 2300 sacrifícios ou 1150 dias que seriam suspensos pela profanação do chifre pequeno do verso 9 do mesmo capítulo.

2) O templo ou santuário lançado por terra (PROFANADO) de Dn 8.11 é o terrestre e nunca o celestial. “E se engrandeceu até contra o príncipe do exército; e por ele foi tirado o sacrifício contínuo, e o lugar do seu santuário foi lançado por terra”. Dn 8.11

3) As ações que geram profanação do santuário, são as do chifre pequeno (Antioco Epifânio) e nunca as de Roma pagã ou papal.

4) Se, é verdade que a profanação do santuário celestial, foram motivadas por Roma pagã e papal, por que se diz que o Juízo Investigativo é sobre a vida dos “cristãos desde 22/10/1844”?

5) Daniel 8.9 e seu respectivo contexto, afirmam que os pecados ou ações que estão sendo julgados, são as do chifre pequeno e nunca dos cristãos! “E de um deles saiu um chifre muito pequeno, o qual cresceu muito para o sul, e para o oriente, e para a terra formosa”. Dn 8.9

6) Levítico 16, não é contexto para uma suposta purificação de santuário celestial.

7) Jesus afirmou que os seus não entram em julgamento ou juízo de condenação! “Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação [OU JUÍZO DE INVESTIGAÇÃO, POIS O CONCEITO DESSA DOUTRINA DIZ QUE NOMES SÃO ACEITOS E NOMES SÃO DESPRESADOS], mas passou da morte para a vida”. (Jo 5.24)

8) Não há necessidade de investigação, pois Jesus já sabe quais são os dele! “As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem” (Jo 10.27)

9) I Pedro 4.17 afirma que naquela época o julgamento já havia começado pela casa de Deus e não em 22/10/1844. “Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus; e, se primeiro começa por nós, qual será o fim daqueles que são desobedientes ao evangelho de Deus?” (1Pe 4.17)

10) Caso a doutrina do juízo investigativo fosse verdadeira, ela DETERMINARIA (ULTRA-CALVINISMO) a salvação dos investigados muito antes de Jesus voltar a este mundo.

11) Os homens receberão a justa recompensa quando da volta de Jesus, não antes disso (MAIS O JUÍZO INVESTIGATIVO AFIRMA O OPOSTO A ISSO). “Porque o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras”. (Mt 16.27)

Júlio Sérgio Baêta Ferreira – JSBFerreira é membro da igreja evangélica Assembleia de Deus – Área XV em Cidade Operária – São Luis / MA, desde 21/06/1989, casado [Keilah], dois filhos (Lucas & Ana Júlia).

Enviada pelo ZAP


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement