Esqueceu a senha?

O Jovem rico errou ao chamar Jesus de bom?

por Artigo compilado - qui dez 06, 1:24 pm

MATEUS 19:16-30 (cf. Mc 10:17-31; Lc 18:18-30) – Já que Jesus era Deus, por que ele parece ter admoestado o jovem rico por este tê-lo chamado de bom?

PROBLEMA: O jovem rico chamou Jesus de “Bom Mestre” (Mt 19:16, SBTB; Mc 10:17; Lc 18:18), e Jesus o admoestou, dizendo: “Por que me chamas bom? Não há bom senão um só, que é Deus” (v. 17, SBTB). Contudo, em outras ocasiões Jesus não apenas reivindicou ser Deus (Mc 2.8-10; Jo 8.58; 10.30), mas também aceitou a declaração que outros fizeram de ser ele Deus (Jo 20.28-29). Por que ele parece estar negando ser Deus ao jovem rico?

SOLUÇÃO: Jesus não negou ser Deus ao jovem rico. Ele simplesmente pediu-lhe que examinasse as implicações do que estava dizendo. Com efeito, Jesus estava dizendo-lhe: “Você percebe o que está implícito quando você me chama de bom? Você está dizendo que eu sou Deus?”

O jovem não percebeu as implicações do que ele estava dizendo. Dessa forma Jesus o estava forçando a um dilema bastante desconfortável. Ou Jesus era bom e Deus, ou ele era mau e homem. Um bom Deus ou um mau homem, mas não simplesmente um bom homem. Essas são as reais alternativas a respeito de Cristo. Pois nenhum homem bom declararia ser Deus, não o sendo. Aquele Cristo liberal, que era apenas um bom mestre da moral, mas não Deus, não passa de uma ficção criada pela imaginação humana.

Extraído do livro MANUAL POPULAR de Dúvidas, Enigmas e “Contradições” da Bíblia. Norman Geisler – Thomas Howe


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement