- CACP – Ministério Apologético - http://www.cacp.org.br -

O que diz a Bíblia sobre a punição eterna?

tj fim

Pergunta: Há Suplício Para Os Ímpios Depois Da Morte?

Resposta: Sim, Mateus 10.28, Lucas 12.4-5.

———————

Pergunta: Quando Começa Este Suplício?

Resposta: Em Lucas 16.22-24 Temos A Parábola Do Rico E Lázaro.

———————

Pergunta: Como Você Pode Basear Uma Doutrina Numa Parábola?

Resposta: embora em nossa bíblia o título usado na passagem seja a parábola do rico e Lázaro, na verdade trata-se de uma narrativa, não é uma parábola.

———————

Pergunta: Porque Não É Uma Parábola?

Resposta: porque em parábola não se citam nomes próprios, e ali havia um homem chamado Lázaro.

———————

Pergunta: Mas Se Dissermos Que Foi Uma Parábola, O Que É Uma Parábola?

Resposta: é uma comparação, uma ilustração tirada na vida real que ilustra e esclarece um ponto espiritual. Jesus contou parábolas e não fábulas.

———————

Pergunta: O Que É Fábula?

Resposta: fábula é uma coisa irreal, inventada. Mesmo que fosse uma parábola não quer dizer com isso que o que Jesus contou não tivesse sentido, então o que Jesus contou é justamente o que se segue após a morte. Após a morte temos dois lugares que são separados por um grande abismo na linguagem de Jesus. Um de felicidade, seol, o hades dos justos, chamado paraíso ou “seio de Abraão” era mais acima. E seol, o hades dos ímpios, era mais abaixo seria propriamente o inferno, lugar de suplício.

———————

Pergunta: O Que É Seol Ou Hades?

Resposta: seol em hebraico; hades em grego. São sinônimos e indicam o lugar da alma sem o corpo. Alguns ensinam que o hades = seol são apenas a sepultura, porém existem palavras hebraicas específicas para sepultura, ‘quever’ ou ‘kevurá’. No novo testamento o lugar do corpo chama-se minema, menemion e tafus. Por exemplo, encontramos no salmo 16.10 “não deixarão a minha alma no inferno”. Na tradução de Almeida corrigida, as testemunhas de Jeová perguntam: se o inferno é um lugar dos maus, porque Jesus foi lá? A palavra no hebraico que foi traduzida por inferno é seol, o que não indica propriamente o lugar do corpo, mas o lugar da alma. No caso, dividida em duas partes. Jesus foi ao seol, o lugar dos salvos, proclamar sua vitória sobre a morte, e não foi ao inferno propriamente dito.

———————

Pergunta: O Que É A Morte?

Resposta: alguns dizem que é a cessação da atividade consciente, inteligente. Os aniquelacionistas pensam que morreu acabou, mas a palavra morte significa separação. A palavra grega para morte é ‘tanatos’, de onde surgiu a palavra tanatologia que é o estudo sobre a morte. Isso no sentido físico, material, que estuda o corpo da pessoa. Biblicamente falando, a morte tem um sentido de separação.

———————

Pergunta: Quando Ocorreu A Primeira Morte? O Homem Ficou Aniquilado?

Resposta: não, Gn 2.16-17: “…no dia que dela comeres certamente morrerás”. Só que Adão comeu e não morreu fisicamente, no sentido que alguns alegam que a morte é a cessação da atividade consciente, inteligente. Adão continuou vivo, mas aconteceu uma morte, houve uma separação. Em Gn 3.8-9, quando Deus perguntou “Adão onde estás?” Ele disse: “ouvi tua voz e temi porque estava nu”. Ele estava vivo fisicamente, mas se afastou de Deus em decorrência da sua desobediência. Então a morte ocorreu naquele dia em que ele pecou, só que foi uma morte espiritual. Rm. 5.12: o homem quando nasce está morto espiritualmente, até os 3, 5 anos ele não tem consciência disso, é uma pessoa inocente. Mc. 8.22: Jesus empregou a palavra no sentido de mortos espirituais. Lucas 15.24: estava vivo fisicamente e morto espiritualmente, longe do pai. 1Tm 5.6. Quem vive no pecado, vivendo está morto. Desse estado de morte cristo nos livrou. Jo 5.24: passou da morte para a vida, então quando aceitamos a cristo saímos do estado de morte espiritual. IJo 3.14: passamos da morte para a vida ao receber a Cristo. Ap 20.14. Fala da segunda morte.

———————

Pergunta: O Que É A Segunda Morte?

Resposta: é o lago de fogo, é a condenação eterna, é a separação eterna de Deus Ap 20.15. Algumas pessoas dizem que o lago de fogo ou a segunda morte é o aniquilamento definitivo.

Em Ap 19.20 a besta e o falso profeta foram lançados vivos no lago de fogo e enxofre. Ap. 20.3 fala da prisão de satanás. No verso 7 lemos que ele será solto depois de mil, anos. Ap 20.10. Mil anos depois, satanás encontrou os dois primeiros ainda vivos (a besta e o falso profeta), o que indica que a segunda morte não é aniquilamento, é a separação definitiva de Deus. Então a primeira morte se deu no Éden, com a separação do homem de Deus espiritualmente. Com o decorrer dessa morte veio a morte física.

———————

Pergunta: Com Quantos Anos Adão Morreu?

Resposta: com 930 anos, depois que ele gerou o terceiro filho Sete, ele viveu fisicamente muito tempo Gn 5.4-3.

———————

Pergunta: Por Quanto Tempo Continuará Esse Sofrimento?

Resposta: eternamente, Mt 25.41-46. Nós temos aí o castigo eterno e a vida eterna. Da mesma forma que a vida é uma vida eterna sem fim, consciente, há um tormento eterno, um castigo eterno, consciente.

———————

Pergunta: Apesar De Deus Ser Misericordioso, Por Que Ele Deixa O Sofrimento, A Dor, E A Morte Reinarem Na Terra?

Resposta: porque tudo isso é consequência do pecado que entrou no mundo, o salário do pecado é a morte. Muitos dizem: Deus não pode castigar eternamente, porque ele é amor. Outros dizem: Deus não pode castigar eternamente porque tal castigo será maior do que o pecado merece.

———————

Pergunta: Como Uma Pessoa Que Vive 70, 80 Anos, Vai Ser Castigada Eternamente? Precisaria Que Ela Vivesse Todo Esse Tempo Para Que O Pecado Fosse Correspondente?

Resposta: há duas maneiras de responder: 1. Não se mede a gravidade do pecado pelo tempo que se demora a cometê-lo, mas se mede a gravidade do pecado pelo que realmente ele é.

Exemplo: um bandido que vai assaltar uma casa. Ele fica vigiando a casa até que os donos saiam, aí ele entra e rouba. Poderia ficar até uns dois realizando esse crime. E uma pessoa que aborda outra na rua com um revólver, e porque o assaltado não dá o que o ladrão está pedindo, esse dá-lhe um tiro e mata. Pergunta: qual dos dois crimes é o mais grave? Resposta: o que foi cometido em segundos, porque tirou a vida da pessoa. Então o que se mede não é o tempo em que se gasta para cometer o pecado, mas sim a gravidade. Sendo Deus um ser infinito, todo pecado é um pecado infinito. Se esse pecado não for apagado, cancelado, então é um débito que a pessoa tem para com Deus.

———————

Pergunta: Se Alguém Perguntar: Mas Porque Eu Tenho Que Pagar Um Preço Tão Alto Quanto Aquele Que Mata, Rouba E Ir Para O Inferno Também?

Resposta: no inferno haverá graus de punição. Nem todos vão ser punidos da mesma maneira. Mt. 11.23 diz “haverá mais rigor para cafarnaum e menos rigor para ti Sodoma”. Nós todos somos pecadores e não nos cabe determinar a forma como deveremos ser julgados. Por exemplo, é como um menino que está em flagrante desobediência e rebelião contra o pai. Ele pode determinar para o pai como ele pode ser castigado? Não. As autoridades civis deixam o criminoso escolher a forma como ele deve ser castigado? Não. Só aquele que é sem pecado pode resolver retamente qual será o castigo, e este é Jesus Cristo.

———————

Pergunta: A Pessoa Que Não Ouviu O Evangelho Se Perde Ou Se Salva?

Resposta: se perde. Rm 2.12 diz que ninguém se salva na sua ignorância. Atos 17.30 diz que se arrependam.

———————

Pergunta: Uma Criança No Estado De Inocência E Um Débil Mental, Cujo Q.I. É Igual Ao De Uma Criança, Se Salva Ou Se Perde?

Resposta: se salva. Mt. 19.14 diz “dos tais é o reino dos céus”. A criança no estado de inocência não sabe discernir o bem e o mal.

———————

Pergunta: ora, se a criança é pecadora por que todos pecaram, como Davi disse no Salmo 51.5 “em pecados me concebeu minha mãe”, como admitir que uma criança no estado de inocência, não no estado de incompatibilidade, que não tem discernimento do certo e do errado, pode ser salva?

Resposta: A Bíblia ensina que sobre as crianças não é imputado pecado e que, para entrar no reino de Cristo, temos que nos tornar como uma criancinha (Mateus 18.1-4; 19.13-15). Paulo falou de um tempo quando ele estava vivo, antes que o pecado entrasse em sua vida (Romanos 7:9). Moisés falou de crianças que não conheceram nem o bem nem o mal (Deuteronômio 1.39). Quando uma criança cresce, chega o tempo em que ela é atraída por seus próprios desejos (Sl 51), é tentada e peca (Tiago 1.14-15). Nesse tempo ela é culpada de pecado diante de Deus e necessita da salvação. Antes disso, as crianças são puras, sem atribuição de pecado e seguras aos olhos de Deus.

———————

Vejam o vídeo:

[1] [2]Compartilhar [3]