Esqueceu a senha?

O que dorme na morte?

por Artigo compilado - sáb jul 29, 6:56 pm

“Além disso, irmãos, não queremos que sejais ignorantes no que se refere aos que estão dormindo [na morte], para que não estejais pesarosos como os demais que não têm esperança”. – 1 Tessalonicenses 4.13 e similares, colchetes do tradutor.

Alguns argumentam que a morte é um estado de completa inatividade porque a Bíblia, às vezes, a compara ao sono e que isto seria uma “prova” de que não existe uma alma que sobrevive à morte. Como entender isso?

Primeiramente, há pessoas que acham que essas passagens se referem ao sono da alma, e não do corpo. Por este entendimento, as almas continuam existindo depois da morte, porém ficam dormindo. Embora tal conceito seja melhor que o defendido pelos aniquilacionistas, ele não está completamente de acordo com o que a Bíblia menciona sobre a alma.

Leia atentamente o que Paulo falou a respeito da morte:

Enquanto tivermos o nosso lar no corpo, estamos ausentes do Senhor…. Mas, temos boa coragem e bem nos agradamos antes de ficar ausentes do corpo e de fazer o nosso lar com o Senhor”. – 2 Coríntios 5.6, 8; Leia também Filipenses 1.21-26.

Possuir um corpo físico significa estar vivo na Terra, qual ser humano. Na morte esse “lar” terreno é abandonado, e o que fica aqui é um corpo morto:

O pó volte à terra, de onde veio, e o espírito volte a Deus, que o deu”. – Eclesiastes 12.7, NVI.

“O corpo sem espírito está morto”. – Tiago 2.26.

Aos olhos dos que ficam o corpo parece estar apenas dormindo. É sob essa perspectiva que Paulo certamente escreveu aos Tessalonicenses, pois foi ele mesmo quem disse que é necessário ficar “ausente do corpo [físico]”, isto é, morrer, para o cristão ir para o seu novo “lar com o Senhor”. A expressão “ausente no corpo” tem uma implicação lógica, que é o fato de que antes desse abandono algo estava “presente no corpo”. É justamente aquilo que a Bíblia ora chama de “alma”, ora chama de “espírito”. Essa parte imaterial do homem é que permanece viva depois da morte do corpo físico. (E dificilmente a descrição de Paulo significa que quem fosse para esse novo lar ficaria dormindo na presença de Cristo).

Uma evidência adicional a esse respeito é aquilo que Jesus prometeu na cruz para o malfeitor arrependido:

“Então ele [o malfeitor] disse: ‘Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino.’ Jesus lhe respondeu: ‘Eu lhe garanto: Hoje você estará comigo no paraíso”. – Lucas 23.42, 43, NVI, colchetes acrescentados.

“E abriram-se os túmulos memoriais e muitos corpos dos santos que tinham adormecido foram levantados”. – Mateus 27.54.

O que adormeceu foram os corpos dos santos, e não as almas deles ou seus espíritos.    Quando alguém morre apenas seu corpo fica como que “dormindo”, mas sua alma e seu espírito vão para outro lugar, conforme demonstrado nos episódios a seguir:

E [Elias] passou a estender-se três vezes sobre o menino e a clamar a Jeová, e a dizer: ‘Ó Jeová, meu Deus, por favor, faze a alma deste menino voltar para dentro dele.’ Jeová escutou finalmente a voz de Elias, de modo que a alma do menino voltou para dentro dele e este reviveu”. – 1 Reis 17.21, 22.

Enquanto ainda falava, chegou certo representante do presidente da sinagoga, dizendo: ‘A tua filha morreu; não incomodes mais o instrutor.’ Ouvindo isso, Jesus respondeu-lhe: ‘Não temas, apenas exerce fé, e ela será salva.’ Chegando à casa, não deixou ninguém entrar com ele, exceto Pedro, e João,  e Tiago, e o pai  e a mãe da menina.  E  todos choravam e se batiam  de pesar por ela. De modo que ele disse: ‘Parai de chorar, pois ela não está morta, mas dorme.’ Começaram então a rir-se dele desdenhosamente, porque sabiam que ela havia morrido. Mas ele a tomou pela mão e chamou, dizendo: ‘Menina, levanta-te!’ E voltou-lhe o espírito e ela se levantou instantaneamente, e ele ordenou que se lhe desse algo para comer”. – Lucas 8.49-55; compare com Salmos 78.39.

O relato de Lucas 8.49-55 está em harmonia com o que Jesus falou em outro momento. Mas, que os mortos são levantados, até mesmo Moisés expôs, no relato sobre o espinheiro, quando ele chama Jeová ‘o Deus de Abraão, e o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó’. Ele é Deus, não de mortos, mas de viventes, pois, para ele, todos estes vivem. (apesar de estarem mortos para os homens). Cf. Lucas 20.37, 38.

Portanto, o “adormecer” mencionado algumas vezes no Novo Testamento se refere apenas ao corpo físico e não à alma ou ao espírito.

Autor: Adelmo de Medeiros


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

6 Comentários

Comentários 1 - 6 de 6Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. O que dorme é o corpo a alma é imortal.

    1. O homem seria imortal caso comesse do fruto da árvore da vida, mas não comeu. Deus não
      fez o homem com o conhecimento do bem e do mal, mas ele comeu do fruto da árvore do
      conhecimento do bem e do mal e teve tal conhecimento. Da mesma maneira, Deus não fez
      o homem com uma alma imortal.

  2. em Atos 20 conta um acidente num local de reunião cristã, onde um rapaz chamado Êutico caiu da janela de um lugar alto. então S.Paulo disse :

    “Paulo, porém, descendo, inclinou-se sobre ele e, abraçando-o, disse: Não vos perturbeis, que a sua alma nele está.” v.v.10

    1. se o rapaz tivesse morrido na queda, era obvio que diria “morreu, sua alma não está nele”.

      “ψυχη αυτου εν αυτω εστιν” Atos 20:10 na Textus Receptus “sua alma (psiquê) nele está.”

  3. A imortalidade dependia de comer do fruto da árvore da vida,assim como o conhecimento do bem e do mal dependia de comer
    daquela árvore.Mas,ao contrário do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal na qual eles comeram, eles não comeram do fruto da árvore da vida.

  4. A imortalidade do corpo o que morre é o corpo.

Comentários 1 - 6 de 6Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement