Esqueceu a senha?

Papiro do século 4º e a citação “mulher de Jesus”

por Pr. João Flávio Martinez - sex set 28, 9:39 am

Nem chegamos bem ao final do ano e já começaram as especulações e elucubrações sobre a vida de Jesus. A mais nova diz respeito a um papiro espúrio ou apócrifo dizendo que Jesus teria arvorado a frase “minha mulher”.

“Segundo a historiadora da Universidade Harvard (EUA) responsável pela análise do texto antigo, que ela apelidou de Evangelho da Mulher de Jesus, o fragmento não traz informações confiáveis sobre a figura histórica de Cristo, já que a narrativa quase certamente teria sido composta séculos depois da morte dele” *.

Provavelmente esse é mais um texto gnóstico envolvendo misticismo e conjecturas esotéricas do povo daquela época e nada tem a ver com o Jesus Bíblico. É bom frisar que a Bíblia vê o casamento como uma benção e não maldição. O próprio Senhor Jesus disse: “E disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne?  Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem”.

O que quero arvorar com isso é que se Jesus realmente tivesse sido casado não haveria motivo para os apóstolos e pais da igreja não terem registrado o fato. No capítulo 4 de João é documentado o encontro de Jesus com a mulher Samaritana. Ali uma questão nos chama a atenção, pois o texto mostra o espanto dos discípulos pelo fato de Cristo estar conversando com uma mulher, ou seja, pra eles isso era incomum. E era incomum por quê? Simples, Jesus não estava preocupado em ter uma vida social comum e formar uma família. Ele tinha uma missão e o foco dele era o eixo da sua vida.

O artigo da Folha On-line conclui assim a problemática: “Durante os primeiros séculos depois de Jesus, os cristãos estavam divididos a respeito de como lidar com o sexo e o casamento. Uns, como o apóstolo Paulo, defendiam que o celibato era a melhor opção, embora não condenassem o casamento. Outros diziam que os melhores candidatos a líderes da igreja eram os homens casados. E havia ainda os que condenavam todo tipo de contato sexual. No caso de Jesus, o mais provável é que ele tenha mesmo sido solteiro”.

Pessoalmente corroboro com essa tese – JESUS sempre foi SOLTEIRO e nunca casou. Acho que a maior prova disso é o fator social e a estupefação dos contemporâneos dele. Um homem maduro naquela época precisa ser casado, mas o mestre sempre desafiou a sociedade e mostrava outras opções. Ele foi solteiro porque quis e por ter uma missão bem definida desde sua tenra idade. Quanto as especulações, elas fazem parte da vida.

*Folha on-line


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

4 Comentários

Comentários 1 - 4 de 4Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Irmão, os discípulos se surpreenderam com a atitude de Cristo ao falar com a sunamita pelo fato de ela ser mulher. Havia muito preconceito na época. Jesus mostrou que a mulher não deveria ser menosprezada, o mesmo na ocasião da mulher com fluxo. Fez questão de que ela desse testemunho!

  2. Jesus Cristo Não foi casado porque Jesus veio com a Missão de Pregar o Evangelho e salvar a Humanidade.Jesus quando esteve na terra era Solteiro e viveu em Total Castidade.

  3. Então, todo o tal de “novo testamento” é escrito séculos após a morte do suposto “j.c”. E mesmo assim é considerado confiável????

    1. texto gnóstico envolvendo misticismo e conjecturas esotéricas

Comentários 1 - 4 de 4Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement