Esqueceu a senha?

Para quem foi Escrito Malaquias 3.7-12?

por Enviado por email - dom jan 10, 3:20 am

biblia aberta 1

Aqueles que negam que o cristão tem o dever de dizimar, têm se esforçado em tentar deslegitimar o uso de Malaquias 3.7-12 afirmando que tal exortação foi dirigida aos sacerdotes e não ao povo. A leitura que tais intérpretes fazem é de que os sacerdotes é que estavam roubando a Deus supostamente desviando ou deixado de dar a devida finalidade à tais recursos. Analisando com atenção o livro de Malaquias, em especial o texto em questão, veremos que tal argumento não se sustenta, pois parte de pressupostos equivocados.

O Livro de Malaquias foi escrito por volta do ano 460 A.C, no período pós-exílico, tendo como destinatário todo o povo de Israel e não a classe sacerdotal como alegam alguns. Já no primeiro capítulo temos a prova clara  disso: “Sentença pronunciada pelo SENHOR contra Israel, por intermédio de Malaquias.”(cap.1.1) . Se o foco fosse apenas a conduta dos sacerdotes, o texto diria “sentença pronunciada pelo Senhor contra os sacerdotes”, ou “contra os filhos de Levi”, ou algo semelhante como vemos no cap. 2.1 “Agora, ó sacerdotes, para vós outros é este mandamento”. E aqui sim, encontramos palavras especificas aos sacerdotes, mas não que a mensagem do profeta os tenha como foco exclusivo ou prioritário.

A grande questão a ser tratada nesse texto é: Para quem foram dirigidas as palavras encontradas nos versículos 7 ao 12 do capítulo 3? Seria essa repreensão dirigida apenas à sacerdotes infiéis que estariam administrando indevidamente os dízimos ou era uma exortação a um povo infiel que estava retendo o que pertencia à Deus? Vejamos a partir do versículo 6:

Porque eu, o SENHOR, não mudo; por isso, vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos. Desde os dias de vossos pais, vos desviastes dos meus estatutos e não os guardastes; tornai-vos para mim, e eu me tornarei para vós outros, diz o SENHOR dos Exércitos; mas vós dizeis: Em que havemos de tornar? Roubará o homem a Deus? Todavia, vós me roubais e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas. Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, vós, a nação toda. Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida.  Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos. Todas as nações vos chamarão felizes, porque vós sereis uma terra deleitosa, diz o SENHOR dos Exércitos.

Está muito claro, que essa repreensão se dirige à “nação toda”, aos “filhos de Jacó”.  Deus diz que todo o povo o estava roubando, retendo o dizimo ou pelo ao menos parte dele, assim como ofertas alçadas. A expressão “todos os dízimos”, poderia ser traduzido também como “dizimo inteiro”, possibilitando essa interpretação. De qualquer forma, se o povo estivesse retendo o todo ou apenas parte dos dízimos estavam retendo o que pertencia ao Senhor,

Aqueles que pretendem relegar esse texto à uma advertência limitada ao corpo sacerdotal, deixam de notar às declarações do próprio Deus que lemos nos versículos 6 e 9. Deus está sim, sem sombra de dúvida requerendo os dízimos ou a parte deles, que o povo estava retendo. Yahweh estava se considerando roubado pelo seu povo e os chama ao arrependimento prometendo-lhes benção sem medida.

Francisco Belvedere Neto


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

46 Comentários

Comentários 1 - 46 de 46Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Bem, então forçoso é fazer a leitura correta. “Trazei todo o dízimo à casa do tesouro para que haja MANTIMENTO na casa do Senhor. Dízimo não era dinheiro.

    1. essa mania de falar que “não era dinheiro” … isso não é porque fizeram um estudo ou pesquisa biblica ou cultural da epoca, é porque voces são otario e fica assistindo youtube como se o youtube fosse “canônico” com a verdade.

    2. a própria palavra “mantimento” desdobra-se em “manter” ou “manutenção”. eu li uma reportagem recente que os crentes cristãos da Suécia pagam o dizimo pelo celular transferindo dinheiro da conta para a Igreja. agora  parece que tem gente que quer anda pra trás. 

  2. Também não vejo que a advertência seja somente aos sacerdotes. Porém, independente disso, o contexto continua sendo o povo de Israel. Não há sustentação para sua continuidade na igreja, que aliás, não substituiu Israel. O CACP, dito apologético, tem divulgando muito a defesa do dízimo.

    1. então você deve ser um “desigrejado”, na sua denominação o seu pastor trabalha em tempo integral, e é um bom ministro ? sendo assim, deveria receber dobrado !
      o youtube não canônico deixa ser ignorante.

  3. “Os presbíteros que administram bem a igreja são dignos de dobrados honorários, principalmente os que se dedicam ao ministério da pregação e do ensino.” 
    “Não amordaces a boca do boi quando estiver debulhando o cereal”, e ainda, “digno é o trabalhador do seu salário”.1 Tm 5:17

    1. Sim. Isso se chama oferta.

    2. não está falando de dizimo esta falando de ofertas, se o dizimo é tão importante porque não é citado nas epistolas que foram escritas para igreja?
      igreja não é Israel.
      casa do tesouro era um lugar no templo onde era depositado o dinheiro para os levitas e manutenção dos templo.

    3. existe templo hoje em dia? o dinheiro ofertado era principalmente para os pobres e para aqueles que viviam do evangelho, não quem tem casa própria e carro próprio, a manutenção da igreja é as pessoas e não manutenção de templo.

  4. Mais um argumento fraco para querer “provar’ o improvável. Um desconhecimento total das circunstâncias que envolviam os destinatários do profeta.

    1. “Os presbíteros que administram bem a igreja são dignos de dobrados honorários, principalmente os que se dedicam ao ministério da pregação e do ensino.” 
      “Não amordaces a boca do boi quando estiver debulhando o cereal”, e ainda, “digno é o trabalhador do seu salário”.1 Tm 5:17

    2. desprove 1 Tm 5:17 não é mais seu desconhecimento, mas sua oposição aberta sem argumento forte.

  5. JCP o assunto aqui é a aplicação do texto de Ml. 3: 7 – 12 como norma ou não para os dias atuais. 1ª Tm. 5:17 trata de outro assunto. Entendes?

    1. são assuntos igual sim, tratam-se de “manutenção”. no templo pedra / sacerdotal era uma manutenção, no tempo da Igreja primitiva era oura manutenção, e hoje estamos em uma época pós Martinho Lutero, as necessidades são diferentes, e não tem como voltarmos no tempo. 

  6. Não há nessas passagem nada que indique o dízimo para a igreja 
       Israel tinha que dar o dízimo para a classe sacerdotal  (levitas)
      o  CACP   lamentavelmente deve estar delirando 
      A doutrina da Igreja vem dos apóstolos 

    1. o dizimo no A.T era a manutenção do templo e classe sacerdote / levitas.
      o dizimo no N.T é a manutenção do local instituição e colaboradores. 
      o templo israelita não existe mais, então como voce vai cumprir Ml. 3: 7 ?
      estando vc em uma a Igreja ajude a mante-la, simples assim.

    2. o único que está delirando é você Vinicius que defende dizimo velho testamental, sendo que nem existe mais o templo de salomão em Israel. o que você quer e outro da sua individualidade é minar as instituições espalhando mentiras e confusão. deus para vocês é o youtube. 

    3. o que vocês não entendem, é que vivemos época pós Martinho Lutero e as necessidades são diferentes, eu já vi uma vez uma certa denominação de pequeno porte sofrer corte de energia elétrica porque não pagaram a conta. agora ficam defendendo templo de salomão que nem existe mais.

  7. Olha o que Tertuliano escreveu:”Embora tenhamos nosso cofre, este não é constituído de dinheiro de compra [para comprar a salvação], como no caso de uma religião que tem seu preço….continua

    1. “tertuliano” não é canônico, somente orientativo. tem que discernir o que aproveita-se ao estilo de vida da nossa época. 2000 anos atrás andavam km a pé, ou de animais carga, agora você vai na igreja montado em um jumentinho em plena avenida de uma cidade grande ?

  8. …No dia mensal, se desejar, cada um coloca uma pequena doação; mas só se for do seu agrado, e somente se puder, porque não há compulsão; tudo é voluntário.Estes presentes são, por assim dizer, o fundo de depósito de piedade”…Continua…

  9. TERTULIANO. The Apology [39]. In: THELWALL, S. (trad.).
    The Ante-Nicene Fathers.
     Vol. 3: Translations of the writings of the Fathers down to A.D. 325. Oak Harbor: Logos Research Systems, 1997. p. 46

  10. TERTULIANO, deveras deixou bons frutos, mas o modo de vida da época dele é diferente da nossa, hoje tem que pagar água, luz, telefone, internet, salários, plano médico e benfeitorias diversas para uma qualidade de vida, agora tem gente que quer voltar a vida medieval ?

    1. sobre João Batista, Jesus testemunhou que ele era o melhor homem de Deus nascido, e João comia gafanhotos e mel silvestres, então por que vocês que querem uma vida peculiar cultural tipica de dois mil anos atrás não comem gafanhotos também ? 

    2. Á dois mil anos atrás e ou na Europa medieval as pessoas não tomavam banho, lavavam os pés na semana e olha lá, e só os ricos tinham algum perfume, literalmente as pessoas fediam.
      vamos acordar gente.
      você está em uma denominação ? então seja um bom membro e ajude a mante-la.

  11. acho muito forçado a interpretação acerca do Dízimo na igreja primeiro que a igreja ainda nem existia, segundo é que se for fazer um historico do dízimo no antigo testamento iremos ver que a aplicação era completamente diferente e nem existe correspondencia em atos ou nas cartas de Paulo.

    1. interpretação forçada é sua, porque os próprios israelitas negligenciavam, e foram repreendidos pelo profeta Malaquias, o mesmo comportamento acontece hoje, gente como você que expele argumentos que não quer contribuir. Trabalhe e então deixe seu patrão pagar só o que ele quer.

    2. Enéas, “nem existe correspondencia em atos ou nas cartas de Paulo.”

      para falar uma coisa dessa, mostra que você não é cristão, mas um pervertido. 

    3. Eu fico com o apóstolo Paulo: “Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, nem por constrangimento; porque Deus ama a quem dá com alegria”. 2 Co 9.7
      Jesus também não ensinou o dízimo em MT 23.23. Ele estava repreendendo a hipocrisia dos fariseus.

  12. Heresia, estão roubando o povo, hipócritas, fariseus, escribas, lobo, cães gulosos, arrependam se, ou nunca herdaram o reino de Deus. Enganar o povo leigo é ser pior que o PCC.

  13. A grande pergunta é: A igreja está sob maldição???

  14. A claridade do texto é muito evidente, Malaquias dirigia seus escritos para uma nação em especial, Nação de Israel, Para lideres e para um povo…(“a mim me roubais vós a nação toda”) inclusive os sacerdotes….Vejam, que o Senhor menciona que as outras nações vos chamarão de felizes.

    1. Então não seria para o povo de Israel

  15. E como paga-se as despesas da Igreja?
    O problema nunca foi o dízimo em sí, e sim pessoas que roubam a Igreja de Cristo.
    Vamos ser coerentes, estão querendo tirar a minoria pelo todo.
    Vcs podem afirmar que todo pastor é ladrão? Existem Igrejas com trabalhos sérios, se o seu pastor rouba

  16. … ou roubou alguma vez, procure um pastor e uma Igreja seria.
    Agora querer dizer que não vai dizimar pq o dizimo nunca foi dinheiro, fala sério, no mínimo estamos sendo ignorantes aqui. Outra época, outras formas de moedas de troca, etc, etc, etc.
    Então não quer dar dinheiro…

    1. 1-IGREJA SAO PESSOAS QUE FORA LAVADAS E REMIDASNO SANGUE DE CRISTO.2-ABRAAO COMPROU TUMULO SARA POR 400 BARRAS DE PRATAS.JOSE FOI VENDIDO POR 30 MOEDAS DE PRATAS.JA EXISTIA DINHEIRO DESDE GENESIS A APOCALIPSE.3-MALAQUIAS NAO ERA CRISTAO.4-DAR DINHEIRO PARA O SISTEMA RELIGIOSO VIVER LUXO NAO CRISTO.

  17. … pegue os 10% do seu salário e ajude um necessitado!
    Logo vemos que o problema não é o dízimo e sim o coração do povo que é duro para ofertar para Deus. “Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé…” 1Tm 6:10(a)

    1. “Quanto aos pobres, sempre os tendes ao vosso lado, e os podeis ajudar todas as vezes que o desejardes …” Marcos 14:7

      deveis, porém, fazer estas coisas,[dizimo] e não omitir aquelas. Mateus 23:23

      sr. “caio”, ó néscio, saiba dividir as assuntos. e estude mais …

  18. O texto cita (nacao) e intérprete acha que nação significa o universo, nação é um povo que tem um modelo de governo, tanto é que o mesmo dos todas as nações olharam para vcs e diram que são abençoados, (dizimar é afirmar que o sacrifício de Jesus não foi suficiente)

  19. O que é que vc entende de ofertar para Deus,pois Ele mesmo diz que quando fezeres a qualquer um dos pequeninos fizestes a mim. A casa do senhor somos nós eu e vc os dizimos e ofertas sao para a minha e a sua necessidade assim como de todos os irmãos e não para luxúria dos templos.

  20. O dízimo não é para a igreja atual e sim para os Judeus, não somos judeus e sim gentios. A oferta para igreja é como o Apostolo Paulo disse em 2Corintios capitulo 9 vetsiculo 7.

  21. Malaquias 1. 6 pra autor do texto que não percebeu este versiculo

  22. Os sacerdotes de hoje em dia utilizam essa parte do livro para condicionar a disseminação da palavra ao dinheiro. Jesus ia de cidade em cidade pregando e curando, curava de uma só vez sem precisar de campanha dos sete dias ou outras é não tinha bens amontoados em seu nome. Os fariseus!

    1. ô individuo … onde no artigo ensina “campanha dos sete dias” ? isso é heresia portanto trate como heresia. e o ministério terreno de Jesus era mantido sim financeiramente, estuda mais a Bíblia antes de arrotar cousas acidas a respeito.

    2. Joana, mulher de Cuza, administrador da casa de Herodes; Susana e muitas outras. Essas mulheres ajudavam a sustentá-los [Jesus ] com os seus bens. – Lucas 8:3

  23. Paz. Tenho pra mim que realmente Deus fala com todo o povo de modo geral, porém o povo é tido como ingratos e os sacerdotes como tendo ações formais. 1 Sm 2: 13,14, e foi justamente isso que contaminou todo o povo.

Comentários 1 - 46 de 46Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement