Esqueceu a senha?

Paulo ensinou a doutrina de que a alma dorme?

por Artigo compilado - seg jul 22, 12:29 am

“Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não tem esperança” (1 Ts 4.13).

“Esta expressão refere-se aos crentes que já tinham morrido e cujas almas estavam no céu; não significa que os mortos estejam inconscientes, como num tipo de sono da alma. Os tessalonicenses não compreendiam o nexo entre a ressurreição dos cristãos falecidos e o arrebatamento dos vivos. Ao que parece, eles acreditavam que os mortos ressuscitariam, mas muito depois da vinda de Cristo (vv. 16-17). Paulo lhes informa que os mortos em Cristo ressuscitarão na mesma ocasião em que o Senhor voltar para buscar a sua igreja” (Bíblia de Estudo Pentecostal).

“As almas tanto dos crentes como dos que morrem como incrédulos ficam conscientes entre a morte e a ressurreição. Os incrédulos ficam em consciente aflição (veja Lc 16.23; Mc 9.48; Mt 25.41) e os crentes numa consciente felicidade. O verbo “dormir” é uma referência ao corpo, não à alma. E dormir é uma apropriada figura de linguagem para expressar a morte do corpo, já que a morte é temporária até a ressurreição, quando o corpo será “despertado” desse sono”.

As evidências de que a alma (espírito) fica consciente entre a morte e a ressurreição são muito fortes:

1. Enoque foi tomado para estar com Deus (Gn 5.24; Hb 11.5.

2. Davi falou da felicidade que há na presença de Deus depois da morte (Sl 16.10-11).

3. Elias foi tomado ao céu (2 Rs 2.1).

4. Moisés e Elias estavam conscientes no Monte da Transfiguração (Mt 17.3), muito tempo depois de quando viveram na terra.

5. Jesus disse que iria ao Pai no dia em que morreu (Lc 23.46).

6. Jesus prometeu ao ladrão que se arrependeu que este estaria consigo no paraíso naquele mesmo dia em que morreu (Lc 23.43).

7. Paulo disse que era muito melhor morrer e estar com Cristo (Fp 1.23).

8. Paulo afirmou que quando deixamos “o corpo”, então habitamos “com o Senhor” (2 Co 5.8)

9. O autor de Hebreus refere-se ao céu como sendo um lugar onde os “espíritos dos justos” são “aperfeiçoados” (Hb 12.23).

10. As “almas” dos mártires que morreram durante a tribulação estavam conscientes no céu, cantando e orando a Deus (Ap 6.9).

Transcrição: Pr. Airton Evangelista da Costa – www.palavradaverdade.com


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

3 Comentários

Comentários 1 - 3 de 3Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. Enquanto isso fico surpreso com a igreja batista da Lagoinha – MG , que presta o desserviço de pregar a afirmação falsa da doutrina do sono. Esse povo que prega e crê na doutrina do sono anda dormindo demais ! A bíblia não ensina isso !

  2. não só a igreja batista da lagoinha,a igreja batista familia cristã também ensina a doutrina do sono da alma

  3. não somente a igreja batista da lagoinha,a igreja batista familia cristã também ensina a doutrina do sono da alma

Comentários 1 - 3 de 3Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário