Esqueceu a senha?

Paz e Segurança

por Enviado por email - qua set 12, 1:38 pm

  • Comentários desativados em Paz e Segurança
  • 3541 views
  • Print

“A vinda do Senhor”

“Mas, irmãos, acerca dos tempos e das estações, não necessiteis que se vos escreva; Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão”.ITessalonicenses,5:13
O apóstolo Paulo, profetizando acerca do período iminente à segunda vinda do Senhor Jesus Cristo, no terceiro versículo do quinto capítulo de I Tessalonicences nos deu esta revelação: “Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição…”, que em dois termos nos fornece uma chave para identificarmos a proximidade deste evento glorioso. A partir desta profecia, em breves palavras, busco evidenciar o quão próximos estamos do retorno de nosso Senhor Jesus Cristo em poder e grande glória.

Esta chave que Paulo nos deu para a constatação do período iminente à segunda vinda do Senhor é uma expressão literal que não dá margem a nenhuma outra interpretação que não a de pessoas a dizer “há paz e segurança”. Quem seriam estes a dizer “há paz e segurança”?

Considerando que a profecia refere-se ao período iminente à segunda vinda de Cristo Jesus, no final do período da tribulação, podemos crer que estes são a multidão dos que não tem seus nomes inscritos no livro da vida do Cordeiro, clamando ter enfim sido alcançadas “paz e segurança” promovidas pelo Anticristo em seu reino, a Nova Ordem Mundial.

Segundo nos informam as Sagradas Escrituras, a tribulação terá duração de 7 anos judaicos de 360 dias, um período de 2520 dias, a serem contados a partir do momento em que o Anticristo firmar aliança com Israel. Este período, contudo, será abreviado como profetizou nosso Senhor Jesus Cristo no capítulo 24 de Mateus:

“Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver. E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias.”
Mateus, 24:21-22

O profeta Daniel, em uma visão, recebeu a revelação do número máximo de dias que o período da tribulação poderá durar:

“Depois ouvi um santo que falava; e disse outro santo àquele que falava: Até quando durará a visão do sacrifício contínuo, e da transgressão assoladora, para que sejam entregues o santuário e o exército, a fim de serem pisados? E ele me disse: Até duas mil e trezentas tardes e manhãs; e o santuário será purificado.”
Daniel, 8:13-14

Tardes e manhãs são uma forma corrente na Bíblia de referir-se a dias, como podemos observar, dentre outros exemplos, no capítulo primeiro do Gênesis. Deste modo temos a revelação dada a Daniel de que o período da tribulação durará “até duas mil e trezentas tardes e manhãs”, ou seja, até 2300 dias. Teremos assim uma abreviação da tribulação de, no mínimo, 220 dias.

Tendo estes dados por base para melhor compreender os demais fatores que estão envolvidos nesta profecia do apóstolo dos gentios, em seguida teço algumas considerações no intuito de demonstrar o quão próximos estamos da manifestação do “homem do pecado” e da segunda vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.

Paz e Segurança através do Desarmamento

“Paz e Segurança através do Desarmamento (Peace and Security through Disarmament)” é o lema estampado na página da internet voltada à questão do desarmamento mundial, das Nações Unidas (http://disarmament2.un.org:8080/index.html) [1]

“As Nações Unidas foram fundadas sobre a crença de que paz e segurança para todas as pessoas só seria possível através do desarmamento.” é o que está declarado na página inicial do site da “UNIDIR – Instituto para Pesquisa do Desarmamento das Nações Unidas (United Nations Institute for Disarmament Research)” (http://www.unidir.org).[2]

O que isto tem a ver com a profecia paulina? Bem, considerando ser as Nações Unidas o embrião do governo mundial do Anticristo, tem tudo a ver. Este excerto de um artigo de David Bay, do “The Cutting Edge Ministries”[3] nos informa sobre o papel da ONU no Reino do Anticristo:

“Essa profecia pressupõe que o reinado do Anticristo será totalmente despótico e totalitário. (…) Novamente, os estudiosos da Bíblia eram considerados malucos, pois nunca antes o mundo teve um ditador global. No entanto, desde 1945, com a criação do governo global conhecido como Nações Unidas, ninguém precisa duvidar mais da profecia bíblica. Essa organização será controlada pelo Anticristo quando ele aparecer.”[4] [Ênfase minha]

O desarmamento é condição fundamental para se alcançar “paz e segurança” na Nova Ordem Mundial e por este motivo está sendo empreendido largamente em todo o mundo. O desarmamento das populações civis já estava previsto em um documento escrito por volta do final do século XIX, com o título de “Os Protocolos dos Sábios de Sião”, como podemos ler a seguir:

“Importa mais, em nossos dias, desarmar os povos do que levá-los à guerra ; importa mais servir as paixões incandescidas para nosso proveito do que acalmá-las ; importa mais apoderar-se das idéias de outrem e comentá-las do que baní-las.” [Ênfase minha]

“Os Protocolos dos Sábios de Sião”, Capítulo V

Segundo nos informa David Bay, “Os Protocolos dos Sábios de Sião são o documento mais declaradamente satânico na história mundial! Eles relacionam sistematicamente todas as etapas necessárias para estabelecer a Nova Ordem Mundial e o Anticristo.”[5]

Nesta afirmação seguinte, ele nos apresenta esclarecimentos substanciais para nossa compreensão acerca das razões do desarmamento em curso em todo o mundo:

“Visto que nenhum governo totalitário na história tolerou que seus cidadãos estivessem armados, sabemos agora que o Controle de Armas é uma meta muito importante desse vindouro governo mundial. No tempo preparatório que conduzirá à imposição dessa Nova Ordem Mundial satânica, o governo deseja convencer o maior número possível de pessoas que as armas devem ser tiradas das pessoas. O melhor caminho para efetuar essa meta é criar crimes horríveis usando armas, de modo que a população finalmente concorde em deixar o governo tomar as armas de cidadãos medianos. Depois, durante uma série de crises que aterrorizarão as pessoas, o governo pode também violentamente tirar as armas dos cidadãos que as possuam.”[6] Ênfase minha]

O Desarmamento no Brasil

No Brasil, os planos para o desarmamento estão em estágio avançado de implementação. O Estatuto do Desarmamento, cujo projeto é uma proposta do Senado, mas que representa a posição do Governo Lula sobre a questão da violência, está aprovado, em votação simbólica, no Senado Federal, e na Comissão de Segurança Pública e Crime Organizado da Câmara dos Deputados e vai à votação em breve, com prioridade, logo após a votação da reformas da previdência e tributária.

A proposta do Estatuto do Desarmamento estabelece restrições ao porte e à posse de armas, agrava a pena para o porte ilegal e o tráfico de armas, além de prever a concessão de indenização pela União aos cidadãos que entregarem seus armamentos à Polícia Federal. Os crimes de portar, deter, fabricar, vender e emprestar arma de fogo, acessório ou munição tornam-se inafiançáveis. A proposta também prevê um referendo popular para o ano de 2005, onde os cidadãos brasileiros decidirão sobre a completa proibição da venda de armas no país.

Não pretendo aqui tratar dos méritos da questão de ser pró ou contra armas. Como discípulo de Cristo Jesus, a minha convicção em relação à questão das armas é a mesma que o Mestre expressou em relação aos que lançam mão do uso delas em Mateus 26-51-2: “E eis que um dos que estavam com Jesus, estendendo a mão, puxou da espada e, ferindo o servo do sumo sacerdote, cortou-lhe uma orelha. Então Jesus disse-lhe: Embainha a tua espada; porque todos os que lançarem mão da espada, à espada morrerão.”.

O interesse em relação à questão do desarmamento é unicamente evidenciar que na promoção do desarmamento mundial existe a realização de planos ocultados da grande massa da população, no intuito de promover “paz e segurança” no reino do “filho da perdição”, o Anticristo.

Quem paga os desarmamentistas? [7]

A aliança é espúria, mas não é inocente:

1) a indústria americana de armas (até a embaixada americana entrou na dança em Brasília), atacada em seu mercado pela concorrência brasileira.

2) a Rede Globo, que ontem (sexta-feira) chamou o Viva Rio para desembarcar da canoa.

3) o movimento Viva Rio, que recebe US$ 1 milhão por ano de ingleses (um dos patrocinadores, controla indústrias americanas de armas leves, concorrentes dos brasileiros, e tem George Soros, também apoiador do Viva Rio, como consultor financeiro).

4) boa parte da esquerda, inclusive o governo Lula e o PT (a bancada do PT gaúcho não moveu um músculo para defender a indústria gaúcha de armas e os seus empregados, até agora), que querem manietar todo o povo brasileiro ao tacão estatal.

A Passeata “Brasil Sem Armas”

No dia 14 de setembro, um domingo chuvoso, 40 mil pessoas participaram da passeata “Brasil Sem Armas”, que percorreu toda a orla de Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro, das 11 às 14 horas. A passeata foi promovida pela organização não-governamental Viva Rio com o objetivo de sensibilizar a Câmara dos Deputados a não adiar mais o projeto do Estatuto do Desarmamento e aprovar o acordo fechado pelo Senado, e contou com a presença de parentes de vítimas de armas de fogo, de autoridades e de artistas.

Entre as autoridades que participaram da passeata estavam o deputado federal Luiz Eduardo Greenhalgh (PT-SP), que é o relator do Estatuto do Desarmamento, o presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha (PT-SP) e o ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos. Os atores da novela “Mulheres Apaixonadas”, da Rede Globo, se juntaram ao protesto, isto tendo sido idéia do autor da trama, Manoel Carlos, que vai incluir a participação dos atores na novela.

A passeata “Brasil Sem Armas” foi promovida pela Viva Rio, uma ONG que realiza atividades destinadas a reduzir a violência urbana nas cidades brasileiras, campanhas pela paz e pelo desarmamento, e projetos que buscam reduzir a criminalidade e a violência armada. Outras passeatas estão programadas para ocorrer em Recife, São Paulo e Brasília.

A Viva Rio participa em seminários, conferências e no movimento internacional contra a proliferação das armas pequenas, através da participação em várias redes de ONGs, com objetivo de reduzir a disseminação de armas de fogo e propagar uma cultura de paz (a principal dessas redes é a Rede Internacional de Ação sobre Armas Pequenas – IANSA, que reúne mais que 500 ONGs de todo o mundo). [8]

A IANSA – Rede Internacional de Ação sobre Armas Pequenas, é uma organização fundada e mantida por governos e organizações envolvidos na promoção da Nova Ordem Mundial, (estando entre estes fundadores o Governo do Reino Unido, a Fundação Ford e a Fundação Rockfeller), que atua em conjunto com a ONU na promoção do desarmamento mundial.[9] Novamente recorremos à David Bay para nos informar a respeito dos indivíduos e famílias que promovem e financiam os planos do reino do Anticristo:

“Quando houver o colapso planejado, ocorrerá a maior Redistribuição de Riquezas que o mundo já viu, e trilhões de dólares fluirão para os cofres dos poucos indivíduos e famílias escolhidos, que financiaram os planos da Nova Ordem Mundial desde o começo, ou seja, os Rothschilds, a família de Cecil Rhodes, os Rockefellers, a Fundação Ford, os Kennedy e muitos outros. A Nova Ordem Mundial nunca poderia ter sido concretizada sem o apoio irrestrito dessas famílias abastadas, que não estão satisfeitas apenas com sua riqueza pessoal, mas querem também toda a riqueza do mundo. E, ao desenvolver o plano para roubar toda a riqueza do mundo, iniciaram um plano que cumpre a profecia bíblica sobre o fim dos tempos e o Anticristo. Esse plano, criado devido a uma ganância insaciável, produzirá o maior império do mal que o mundo já viu.” [10]

Podemos depreender que os elos entre estas organizações citadas acima evidenciam seu trabalho em conjunto e seu envolvimento, direto ou indireto, no cumprimento dos planos da Nova Ordem Mundial, objetivando a obtenção de “paz e segurança” através do desarmamento.

Conclusão

Creio serem claros e evidentes estes fatos, que indiciam o estágio avançado da execução dos planos para a instauração do Reino do Anticristo, e muito mais claros para os que crêem naquele que Deus enviou para nos salvar e que, como nos prometeu, cedo vem nos buscar para estarmos eternamente com Ele.

Acautelemo-nos, portanto, de nos envolver nesta questão, servindo de cega massa de manobra à estes lobos cruéis, pois não convém à crentes fiéis no Senhor ter qualquer envolvimento nos empreendimentos do Maligno.

Deixemos que façam o que estão a fazer, pois importa que seja assim, como nos profetizou o apóstolo Paulo: “Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão.”.

Posfácio

Compus este escrito, caros irmãos e irmãs em Cristo Jesus, nos intuito de informá-los a respeito de todos estes fatos que estão transcorrendo à nossa volta “para que não sejamos vencidos por Satanás; Porque não ignoramos os seus ardís.” IICl.10-11, e exortá-los à regozijarem-se em espírito pela iminência da vinda de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, vigiando e orando, e dando graças à nosso Deus Pai por nos propiciar esta tamanha dádiva que se aproxima. Espero que ele seja proveitoso a todos.

“ORA, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, e pela nossa reunião com ele, Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto. Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus. Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco? E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado. Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado; E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda; A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira, E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira; Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniqüidade.”
II Tessalonicenses, 2:1-12

“Aprendei, pois, esta parábola da figueira: Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão. Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas. Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam. O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar. Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai. (…) Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis.”
Mateus, 24:32-6/42-4

Rogo à nosso Deus Pai, em nome de Cristo Jesus, que a todos conserve em Sua paz e em Seu amor.

Ora vem, Senhor Jesus.

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos vós.

Amém.

Bibliografia

[1] Página das Nações Unidas relacionada ao desarmamento mundial

http://disarmament2.un.org:8080/index.html

[2] Site da UNIDIR – http://www.unidir.org

[3] “The Cutting Edge Ministries” é um ministério fundamentalista bíblico que se dedica ao esclarecimento acerca do advento do Reino do Anticristo, através da compreensão das profecias e das doutrinas bíblicas e de como elas de relacionam ao mundo e aos eventos nacionais durante o período preparatório que levará à Nova Ordem Mundial. Seu site espelho em português é “A Espada do Espírito” – http://www.espada.eti.br

[4] Bay, David – “O Papa João Paulo II Recebe uma Marca na Fronte Colocada Por uma Sacerdotisa Pagã de Shiva – Parte 2”.

Fonte: “A Espada do Espírito” – http://www.espada.eti.br/n1163.asp

[5] Bay, David – “Ex-Feiticeiro Iluminista Revela a Forte Ligação da Maçonaria com a Feitiçaria”. Site: “A Espada do Espírito” – http://www.espada.eti.br/free14.asp

[6] Bay, David – “Satanás Pode Controlar a Mente das Pessoas”.

Site: “A Espada do Espírito” – http://www.espada.eti.br/n1278.asp

[7] Braga, Políbio – Excerto de “Quem paga os desarmamentistas?”, artigo publicado no site “Mídia Sem Máscara” em 20/09/2003 – http://www.midiasemmascara.org/materia.asp?cod=1459

[8] Informações obtidas no site da ONG Viva Rio – Projetos: Desarmamento. – http://www.vivario.org.br/

[9] O trabalho da IANSA tem sido mantido pelos fundadores, inclusos os Governos do Reino Unido, Bélgica, Suécia e Noruega, tão bem como pela Fundação Ford, Fundação Rockefeller, Fundação Compton, Fundo Ploughshares, Fundação John D. and Catherine T. MacArthur, Open Society Institute, Fundação Samuel Rubin e Christian Aid.

http://www.iansa.org/about.htm

[10] Bay, David – “As Sete Virtudes Pagãs, Segundo a Bíblia Satânica”.
Site: “A Espada do Espírito” – http://www.espada.eti.br/ce1083.asp

Citações bíblicas da Bíblia Sagrada de Almeida Corrigida Fiel da Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil (SBTB


por Caio Tavares

  • Comentários desativados em Paz e Segurança
  • 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (Sem Votos)
    Loading...
  • 3541 views
  • Print

Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.