Esqueceu a senha?

Situações quando precisamos parar onde estamos

por Pr. Aureo Ribeiro - seg dez 30, 10:08 am

  • Comentários desativados em Situações quando precisamos parar onde estamos
  • 1732 views
  • Print

defesa-da-fe-crista777

Temos sido desafiados dia-a-dia a avançar na fé. Isso é corretíssimo. Somos desafiados a melhorar nossa fé, avançando sempre na vida, rompendo cadeias, atingindo metas e objetivos na vida e na igreja, enfim, quase diariamente ouvimos mensagens desafiadoras no sentido de andarmos para frente, de sairmos para a luta, de rompermos, enfim, grandes e boas mensagens que, em sua maioria, são estimulantes a nossa fé, quando esta fé está cambaleando.

Entretanto, em meditação nesses dias, aprendi com o Senhor que existem momentos em nossas vidas que precisamos parar. Existem momentos em nossas vidas que precisamos ficar onde estamos e aguardar. Algumas situações ocorreram na história bíblica em que o Senhor mandou que alguém parasse e ficasse onde estava. Esse alguém devia ficar parado, pois havia um objetivo naquela situação. Podemos aprender com esses exemplos e entender que, algumas vezes, Jesus está nos dizendo para pararmos e ficarmos onde estamos, de modo que ele complete a obra para qual fomos designados ou chamados. Nem sempre parar é algo ruim. Há momentos na nossa vida que o Senhor deseja que estacionemos para aguardar novos horizontes. Há instantes que precisam ser momentos de paradas e, em virtude de pregações extremamente motivacionais nesses últimos dias, geralmente não aceitamos que seja de Deus algo nesse sentido. Mas, meu amigo e irmão, pode acreditar-me: vai chegar o momento em que Deus irá te pedir que fique, que pare, que estacione, mas se você não estiver conectado com o Espírito Santo você pode não perceber que é algo de Deus e achar que deve prosseguir. Nesse momento, o fracasso chegará a sua vida. Nessa hora, você se decepcionará, se frustrará, mas Deus havia dado a direção para estacionar. Você não quis aceitar.

Assim, quando perceberes uma das situações que irei explicar, pense antes de agir: pode ser que Deus está querendo que você dê um tempo, que você espere, que você pare.

1) A primeira situação em que devemos parar é quando precisamos ESPERAR por alguma coisa. Em Lucas 24.49, o Senhor Jesus disse: “E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder”. Veja que primeiramente os discípulos deveriam ser cheios do Espírito Santo, para que por eles Deus pudesse iniciar a igreja. Entretanto, eles tinham uma imposição para receberem o derramamento do Espírito, conforme as profecias emanadas por Joel (Joel 2.38). Jesus mesmo os orientou: FICAI EM JERUSALÉM. Em muitas situações somos desafiados a avançar, mas quando precisamos esperar por algo, é necessário que fiquemos, que paremos e analisemos o momento, até que recebamos aquilo que Deus nos prometeu.

2) Precisamos ficar também, ou parar, quando nos é necessário VIGIAR. Em Mateus 26.38, temos uma lição maravilhosa: “Então lhes disse: A minha alma está cheia de tristeza até a morte; ficai aqui, e velai comigo”. Jesus pediu aos discípulos que ficassem com ele para vigiar, para velar. Ele estava muito triste, ao ponto de dizer que sua tristeza era até a morte. Enfrentar a cruz estava afligindo muito ao Senhor Jesus e Ele entrou em uma crise de tristeza, certamente profunda, pois ele mesmo disso que era até a morte. Acontece que Ele precisava vencer e para vencer, ou seja, para sacrificar-se vivo a nosso favor, ele teve que vigiar de modo que conseguiria vencer a tentação de desistir. Se você está fraco, triste, sendo tentado fortemente, angustiado, então te digo: é a hora de parar. Fique onde está e vigie. Sem ficar parado, ninguém vigia. A função do vigia em uma guerra só é cumprida quando ele está à frente de sua tropa, parado, em uma posição mais alta no terreno e pronto para dar o alerta da aproximação do inimigo. Se precisas vigiar, tens que estar parado. Se te agitas muito, se pensas que tens de ser dinâmico porque o Senhor o quer, estás enganado. Para vigiar, precisas estar parado, observando a direção por onde o inimigo se aproxima de você.

3) Uma outra ocasião em que nós, homens e mulheres de Deus, precisamos ficar é quando necessitamos de RENOVAÇÃO. Em Marcos 6.10, Jesus dá uma lição muito importante. Ao chamar os apóstolos para a comissão sagrada, Ele os orientou a entrar nas casas que os aceitassem e nelas permanecessem até a partida. Veja: “E dizia-lhes: Na casa em que entrardes, ficai nela até partirdes dali”. Parece óbvio ou repetição do óbvio, mas há uma lição nisso. Quando eles deviam sair das casas? Quando percebessem que era a hora de sair. Quando pudessem checar que a missão da evangelização havia sido cumprida. Por isso, o Mestre os disse que ficassem até o momento de sair. Sempre há um momento de sair. Eclesiastes 3 nos exorta que há tempo para tudo debaixo do sol, inclusive o de sair, diria eu, de mudar, de renovar. Ocorre que, se não ficarmos, se não pararmos, não conseguiremos renovar com sabedoria. Toda mudança feita na decisão intempestiva tem tudo para dar errado. Até para renovar o homem de Deus precisa dar um tempo. Antes da renovação é o tempo da reflexão, do ficar de Deus. Lembre-se, é o momento de estar parado. Mesmo quando temos que romper com alguma tradição, com algum tipo de domínio, com algum modelo que nos foi ensinado, enfim, mesmo para rompermos e mudarmos é necessária a espera, a parada. Pare, espere e suas mudanças serão bem mais consolidadas e sensatas.

4) Uma quarta situação que nos leva a ficarmos parados, que nos deixa imobilizados em termos de ministério, ou vida cristã, é quando temos que ser BENÇÃO para alguém. Em Atos 16.15, quando Paulo esteve em Tiatira pregando a palavra de Deus, uma vendedora de púrpuras por nome Lidia convidou a Paulo e os demais que estavam com ele que ficassem em sua casa. O texto nos ensina: “E, depois que foi batizada, ela e a sua casa, nos rogou, dizendo: Se haveis julgado que eu seja fiel ao SENHOR, entrai em minha casa, e ficai ali. E nos constrangeu a isso”. Observe que Paulo diz “nos rogou”, o que prova que havia mais pessoas com Paulo e, ainda assim, Lídia queria levar os homens de Deus para sua residência. Paulo, ficando naquele lar, seria benção para aquela família. Esse entendimento nós precisamos ter quando não entendemos porque ficamos mais tempo em um local, porque não mudamos para onde queríamos morar, enfim, nossa presença é benção para aqueles que convivem conosco e é necessário que fiquemos. Pare para ser BENÇÃO!

5) Uma quinta e última situação que nos exige pararmos e atentarmos para a situação é quando Deus tem um PROPÓSITO para nós e precisamos esperar e ficar. Quando Nabucodonosor estava no governo do Império Babilônico, em uma das situações, ele conduziu o Rei Joaquim preso à Babilônia e deixou Gedalias governando em Judá (II Reis 25.22). Este Gedalias foi procurado por outros judeus seus conterrâneos para reclamar da situação e ele lhes exortou: “E Gedalias jurou a eles e aos seus homens, e lhes disse: Não temais ser servos dos caldeus; ficai na terra, servi ao rei de Babilônia, e bem vos irá”. Veja que nessa ocasião o FICAR lhes daria vida, pois serviriam ao REI. Além disso, seria um modo deles se saírem bem da situação do momento, que era a de servidão, ou seja, escravidão. Veja que eles tinham primeiro que ficar. Depois, servir ao Rei (ser benção para alguém, isso reporta-nos a situação anterior) e, por fim, eles iam se sair bem da situação. Havia, pois, um propósito em ficar em Judá. Era um momento difícil, pois no reino de Judá, cuja capital era Jerusalém, havia muita pobreza, muitos despojos, alguns judeus exploravam os mais pobres, de modo que não era uma boa solução ficar parado em Jerusalém ou mesmo em outra cidade de Judá. Era melhor procurar um modo melhor de viver fora de Judá. Mas, com a palavra de Gedalias, aqueles que lhe eram mais próximos ficaram lá. Aprenderam com Gedalias que havia um propósito de Deus em ficar lá em Judá. Quantas vezes não percebemos que há um propósito de Deus quando temos que dar uma parada. Temos que ficar parados e não aceitamos, mas é aí que está a benção de Deus.

  • Comentários desativados em Situações quando precisamos parar onde estamos
  • 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos)
    Loading...
  • 1732 views
  • Print

Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.