- CACP – Ministério Apologético - http://www.cacp.org.br -

TJs: “Jesus não faz parte duma divindade”

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Revelação de Jesus Cristo que Deus lhe deu, para mostrar aos seus escravos as coisas que tem de ocorrer em breve…”. (apocalipse 1:1 TNM )

 Testemunhas de Jeová: “Se o próprio Jesus fosse parte duma divindade, teria sido necessário dar-lhe uma revelação oriunda de outra parte da divindade-Deus? Por certo ele teria sabido tudo a respeito dessa revelação, pois Deus sabia. Mas Jesus não sabia, pois não era Deus”. ( Deve-se Crer na Trindade ? pág. 19)

Resposta Apologética

 A interpretação correta deste versículo é que Deus reservou o tempo apropriado para que Jesus revelasse os acontecimentos proféticos que Ele mesmo já sabia ao apóstolo João.

Se Jesus não soubesse destas profecias como insinuam as TJs, é claro que o livro do apocalipse 19:10 não o chamaria de “o espírito de profecia” e nem tão pouco todo o saber estaria escondido nele como diz Colossenses 2:3.

Seria otimismo demais  esperar de uma Organização como esta   acreditar que Jesus é onisciente, sendo que negam esta capacidade até mesmo ao próprio Jeová o qual alegam que é todo-poderoso. Na “Tradução do Novo Mundo” na pág. 1522 sob o subtítulo “Atributos de Deus”, só aparece o atributo de onipotência; o que fizeram com a onisciência e a onipresença Dele? Não seria nenhuma novidade se elas negassem onisciência ao filho sendo que a negaram até mesmo ao Pai. Vejamos o que elas tem a dizer:

“…Jeová tem a capacidade de predizer eventos, mas a Bíblia mostra que ele faz uso seletivo e com discrição dessa capacidade que tem, com a devida consideração pelo livre arbítrio com que dotou suas criaturas humanas”. ( Raciocínios à Base das Escrituras pág 116)

Que Deus é este que as TJs adoram, que dizem ser onipotente e onisciente(A Sentinela 15/03/1988 pág. 11) mas precisa fazer uso seletivo para saber as coisas? Isso seria onipotência? Seguindo esta linha de raciocínio, será que Jesus também não fez uso seletivo desta capacidade? E pasmem com esta declaração:

 “O verdadeiro Deus não é onipresente, porque se fala dele como tendo localização”. ( Estudo Perspicaz das Escrituras pág. 69 vol.1)

Não é onisciente, muito menos onipresente e sua onipotência deixa muito a desejar! Eis aí o Deus que as TJs adoram!

[1] [2]Compartilhar [3]