Esqueceu a senha?

TJs: O Espírito Santo e sua relação com o crente

por Artigo compilado - dom jun 07, 5:47 pm

TJs refeicao noturna

Romanos 8.8,9 – … os que estão na carne não podem agradar a Deus. Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele.

Esta passagem é muito útil para demonstrar às testemunhas de Jeová sua necessidade de nascer de novo como filhos de Deus. Elas esperam agradar a Deus com o trabalho do qual se ocupam. Mas ainda estão na carne, e, portanto, “não podem agradar a Deus”, não importando o quanto trabalhem.

(Iniciando com o versículo 1, leia com a testemunha de Jeová todo o capítulo de Romanos 8, especialmente e inclusive o versí­culo 17. Veja também nossas considerações sobre João 3:3.)

———

Romanos 8.26,27 – Do mesmo modo também o Espírito nos ajuda na fraqueza; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o Espírito mesmo inter­cede por nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que esquadrinha os cora­ções sabe qual é a intenção do Espírito: que ele, segundo a vontade de Deus, intercede pelos santos.

As testemunhas de Jeová raramente encontram esta passagem em seus “estudos bíblicos” pré‑organizados porque seus líderes preferem saltá‑la ou ignorá‑la. Ela simplesmente não se encaixa em suas concepções do Espírito Santo como uma “coisa” ‑ uma “força ativa” impessoal.

Convide a testemunha de Jeová a ler estes versículos com você, e então faça algumas perguntas: Uma “força” pode fazer inter­cessão por nós? Uma “força” tem mente? A própria Tradução do Novo Mundo das Testemunhas diz que o Espírito “implora” por nós (v.26). Pode uma força impessoal implorar por pessoas?

(Para ajudar a testemunha a meditar mais profundamente sobre a personalidade e divindade do Espírito Santo, convide‑a a considerar também João 16:13; Atos 5:3, 4; e I Coríntios 6:19.

Fonte de pesquisa: “As Testemunhas de Jeová refutadas versículo por versículo”, David A. Reed; trad. de Marcelus Virgílius Oliveira e Valéria Oliveira. ‑ 2. ed. Rio de janeiro: JUERP, 1990.

 


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Comentários fechados neste artigo.

Advertisement