Esqueceu a senha?

TULIP: Os Cinco Pontos do Calvinismo

por Artigo compilado - qui nov 13, 7:14 pm

tulipas

Os Cinco Pontos do Calvinismo geralmente são apresentados sob o acrônimo TULIP. Àqueles na profissão médica, TULIP é uma referência a uma forma de cirurgia a laser para problemas da próstata (Transurethral Ultrasound-guided Laser-Induced Prostatectomy).[1] Ao homem comum, entretanto, TULIP (N.T.: tulipa) é apenas uma flor. Mas a menção da palavra em círculos teológicos não traz nenhuma destas coisas à mente, pois qualquer referência a TULIP imediatamente significa os Cinco Pontos do Calvinismo. O calvinista Coppes combina tanto o conceito floral quanto o teológico: “A TULIP é apenas uma das flores no belo jardim da verdade.”[2] Resta ser vista a verdade do sistema TULIP. Por agora, entretanto, é necessário avaliar os ensinos por trás das letras que compõem este bem-conhecido acrônimo.

O acrônimo TULIP representa o seguinte:

Depravação Total (Total Depravity)

Eleição Incondicional (Unconditional Election)

Expiação Limitada (Limited Atonement)

Graça Irresistível (Irresistible Grace)

Perseverança dos Santos (Perseverance of the Saints)

A Depravação Total é o ensino que o homem não-regenerado está totalmente morto no pecado até ao ponto de ter a incapacidade para livremente aceitar Jesus Cristo – o homem não tem livre arbítrio. A Eleição Incondicional é o ensino que Deus, por um decreto soberano e eterno, escolheu um pequeno número de homens para salvação e o restante para perdição eterna (as pessoas nascem salvas e perdidas – não há chance alguma contra o destino decretado). A Expiação Limitada é o ensino que Jesus Cristo, por sua morte na cruz, somente fez expiação pelo grupo de homens previamente eleitos para salvação – os demais não são amados de Deus, pelo contrário, são recipientes do ódio divino. A Graça Irresistível é o ensino que Deus irresistivelmente conquista a vontade do pecador eleito com sua graça e o regenera, concedendo-lhe fé e arrependimento para crer em Jesus Cristo – a pessoa não tem escolha e não participa do processo de salvação. A Perseverança dos Santos é o ensino que todos os eleitos que foram regenerados por Deus irão perseverar na fé e eventualmente morrerão em estado de graça – e isso independentemente do que façam, ou seja, neste conceito perseverar na fé é apenas retórico. A importância destes cinco pontos ao Calvinismo pode ser vista pela equiparação que os calvinistas fazem.

Os calvinistas são inflexíveis na defesa de que os Cinco Pontos do Calvinismo, a TULIP, são o Evangelho:

Estas cinco doutrinas formam a estrutura básica do plano de Deus para salvar pecadores.[3]

O plano de salvação de Deus revelado nas Escrituras consiste do que é popularmente conhecido como os Cinco Pontos do Calvinismo.[4]

O batista da Graça Soberana Fred Phelps alega que “a palavra da cruz” (1Co 1.18) é “uma elipse, e significa os Cinco Pontos do Calvinismo.”[5] Ele então não apenas implacavelmente insiste que “se você não conhece os Cinco Pontos do Calvinismo, você não conhece o evangelho, mas alguma perversão dele,”[6] mas: “Se você não tem um entendimento e uma compreensão completa dos Cinco Pontos do Calvinismo você está verdadeiramente nas trevas e na ignorância de toda a verdade divina. E, se você não tem uma crença inteligente nos Cinco Pontos do Calvinismo e amor por eles, você não tem nenhuma religião racional, mas está preso na superstição e nas mentiras religiosas.”[7] Assim como o pregador comum tenta mencionar o Evangelho em toda mensagem, da mesma forma o calvinista faz o mesmo – mas seu Evangelho é os Cinco Pontos do Calvinismo. Spurgeon, mesmo sendo calvinista, reconheceu isto mesmo em seu dia: “Temos alguns ministros, excelentes irmãos, que nunca pregam qualquer outra coisa. Eles têm uma espécie de realejo que toca somente cinco melodias, e eles estão sempre repetindo-as. Ou é a Eleição, a Predestinação, a Redenção Particular, a Chamada Eficaz, a Perseverança Final, ou algo deste tipo; é sempre a mesma nota.”[8] Se os Cinco Pontos do Calvinismo é o Evangelho, alguém pode ser calvinista e ao mesmo tempo rejeitar um dos pontos? Alguns calvinistas pensam que sim.

[1] Steve Lally, “Overcoming the #1 Prostate Problem,” Prevention, janeiro de 1992, p. 126.

[2] Coppes, p. xi.

[3] Steele e Thomas, p. 9.

[4] Coppes, p. 55.

[5] Phelps, p. 26.

[6] Ibid., p. 21.

[7] Ibid., p. 26.

[8] Charles H. Spurgeon, “The Sum and Substance of All Theology,” em Charles H. Spurgeon, Election (Pasadena: Pilgrim Publications, 1978), p. 579.

Extraído e adaptado do livro O OUTRO LADO DO CALVINISMO de Laurence Vance.


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

28 Comentários

Comentários 1 - 28 de 28Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. O REV EXPLANA O CALVINISMO.
    http://www.youtube.com/watch?v=RSRJV7g-aM4
    VEJA NO TEMPO EM 52:16 minutos ELE CHAMA DEUS “DO ARMINISMO” DE “DEUS-BANANA” PORQUE ELE NÃO SERIA “SOBERANO”. 
    POR AMAR E QUERER SALVAR TODOS OS HOMENS (JO.3:16) ELE CHAMA DEUS DE BANANA. SÃO CRISTÃO OS CALVI?

    1. Ouvir algo fora do seu contexto não esclarece o que a pessoa diz ou pensa, pelo contrário obscurece. Quer que as pessoas tenham uma real ideia do que ele diz incentive para que ouçam e vejam todo o vídeo!

    2. Em Jo 3.16 temos: Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, [para todos? não!] para que TODOS AQUELES QUE NELE CRÊ não pereça, mas tenha vida eterna.

      Neste caso, não há promessa ampla, mas apenas PARA OS QUE NELE CRÊ! Lendo a Bíblia encontramos as respostas.

    3. Um deus sujeito a vontade de sua criação ou a qualquer
      Tipo de volição positiva, é realmente um banana…

  2. A PARTIR DO MOMENTO QUE O VERBO SE FEZ CARNE, ELE DEIXOU DE LADO A GLÓRIA E SOBERANIA E VEIO AQUI SE HUMILHAR. TAMBÉM O ESPIRITO SANTO FICOU NA TERRA, SOMENTE O PAI FICOU NO CÉU PARA SUSTER TODAS AS COUSAS. ACHA QUE ELE FARIA ACEPÇÃO DE PESSOAS, ?

  3. ACHA QUE O PAI FARIA ACEPÇÃO DE PESSOAS? AMANDO UNS E DESPREZANDO OUTROS ? NÃO ! JOÃO 3:16 É CLARO. ! 
    SOMENTE UM BANDO DE VELHOS MACONHEIROS PODERIAM PENSAR NUMA COUSA DESSA, FRACASSADOS TEOLOGICOS.

  4. O PAI CELESTIAL NÃO FAZ CONTA DE GLÓRIA E SOBERANIA, A ÚNICA COUSA DO INTERESSE DELE “É VOCÊ”, E A SUA SALVAÇÃO E SEU BEM ESTAR ETERNO. SE VOCÊ ACEITAR JESUS, VOCÊ É UM ELEITO E SALVO, E O ESPIRITO SANTO TE AMA. NÃO FARÁ ACEPÇÃO, TE TRATARÁ COM AMOR E CARINHO. 

  5. SE O PAI CELESTIAL ESTIVESSE PREOCUPADO COM GLÓRIA E SOBERANIA, ELE NÃO TERIA ENVIADO JESUS, MAS UM EXERCITO DE ANJO PARA CASTIGAR OS REBELDES.
    ELE NÃO FAZ MISTÉRIO, SENÃO NÃO TERIA REVELADO O MAIOR SEGREDO SELADO QUE É O APOCALIPSE. VOCÊ ACEITA JESUS, PRONTO É UM ELEITO E SALVO. 

  6. QUAL O INTERESSE DO PAI CELESTIAL? É JESUS? NÃO É! SENÃO ELE NÃO TERIA UMA MORTE HUMILHANTE COMO TEVE. É O ESPIRITO SANTO? NÃO É, ! SENÃO ELE NÃO SERIA UM ANÔNIMO SEM NOME QUE NÃO FALA DE SI. 
    O ÚNICO INTERESSE DE DEUS É “VOCÊ” ! DEUS PENSA EM VOCE TODO INSTANTE.

  7. Se e verdade que se um dos pontos do calvinismo for falso todo o sistema e falso. Entao EU nao acredito em calvinismo. Simplesmente porque a Luz da Biblia a expiacao nao e limitada. Ha inumeras passagens biblicas que afirmam que Cristo morreu por todos.

    1. Sério?!!!!
      Vc é um teólogo formidável, parabéns…
      Tens mais conhecimento do que o homem que
      Deus iluminou no século XIV para fazer sua igreja
      Tornar aos caminhos das verdades do Evangelho…

  8. Dizem que se um dos 05 pontos da TULIP for falso todo o sistema calvinista rui por terra. Sendo assim, eu não acredito em calvinismo. Simplesmente porque a luz da Bíblia a expiação não é limitada. Inúmeras passagens comprovam que Cristo morreu por todos. Mas …

    1. a predestinação existe a luz de efésios. Mas o determinismo fatalista é antibíblico, contraria o caráter santo de Deus e a escritura. É uma blasfêmia pois acusa a Deus pelo pecado do homem.  

    2. J.David, Sim à luz de Efésios, eu também acredito em predestinação e eleição, mas Deus, sendo onisciente, sabe de todas as coisas, inclusive quem será salvo e quem não será. Mas isso não significa que Ele tenha predestinado sem chance uns para o céu e outros para o inferno”

  9. Para defender o sistema o calvinista alega a soberania divina. Só que a soberania é colocada acima dos outros atributos divinos tais como justiça. misericórdia. Quando na verdade Deus em Cristo nos dá exemplo de como o homem deve ser.

  10. Existem muitos textos bíblicos essa afirmação é muito vaga. Cite os textos e comente-os dentro de seus respectivos contextos, para fortalecer seu argumento.
    Pois o que realmente importa não é o que vc ou eu pensamos sobre a salvação e como ela acontece, mas como a Bíblia nos diz.

  11. FAÇO CURSO DE TEOLOGIA MAS AINDA ESTOU BUSCANDO ENTENDIMENTO SOBRE ESSE ASSUNTO.

    1. se estudar pela teologia “calvinista” eles vão falar pra você que Deus é “soberano” e decide tudo pelo atos soberanos dele, e jamais citarão para voce por exemplo 1 joão 4:8 “Deus é Amor”. pois dizem que este verso é “arminio” e não aceitam como palavra de Deus.

    2. o calvinismo é um entendimento medieval arcaico, foi feito baseado em monarquia absolutista da epoca medieval em que o João calvino via e onde ele tinha grande influencia estatal na cidade de genebra. ele criou um deus absolutista, impessoal e elege uma elite.

    3. já viu um calvinista dizer que não é eleito e nem predestinado a salvação ? eles são os bam bam bam de deus. os queridinhos.

  12. ESSE ASSUNTO É DE DIFÍCIL ENTENDIMENTO E AS VEZES APARECEM PONTOS CONTROVERSOS.

    1. o calvinismo gosta de falar que há “controvérsia” (chamam de mistério) na Bíblia quando há textos que contradiz o Calvinismo e outros que eles interpretam errado.

      “Escolhe pois a vida” deuteronômio 30:19 já Leu? João 3:16.
      estes versos não são “arminio” e sem controvérsia.

  13. Em Efésio de 1:a 6 acredito ser difícil o entendimento mais esta escrito: Que Deus nos elegeu e predestinou antes da fundação do mundo para que fossemos santos irrepreensíveis diante dele em caridade. tudo pelo louvor e gloria da sua graça. Examine a sua vida como esta diante de Deus.

    1. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3:16

      o problema calvinista é que a doutrina não permite que Deus ame todos os homens, e sim só os calvinistas eleitos arbitrariamente.

    2. Deus escolheu antes etc etc … por que Ele conhece o futuro, e não porque pratica arbitrismo quanto ao seu amor a humanidade.

      “Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade.” 1 Timóteo 2:4

    3. a salvação por eleição do entendimento calvinista não seria nem eleição, mas um “elitismo” pois geralmente são calvinistas os eleitos … o calvinismo apresenta um Deus obtuso, não conforme 1 João 1:4 (Deus é amor). doutrina baseada em reis absolutistas da época medieval.

  14. Valdiney Santosqui ago 15 at 3:19 pm Um deus sujeito a vontade de sua criação ou a qualquer
    Tipo de volição positiva, é realmente um banana…

    o “Deus” que o calvinismo apresenta é pior que o diabo, autor do pecado pelo “determinismo”.

    1. aqui temos dois exemplos de “livre arbitrio”, só se vc não sabe ler ou nega …

      “Escolhe pois a Vida” Deuteronômio 30:19
      E não quereis vir a mim para terdes vida. – João 5:40

      voce blasfemou, igual o seu rev.nicodemos, boa sorte no juizo.

Comentários 1 - 28 de 28Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement