Esqueceu a senha?

Um problema na ordem de salvação do Calvinismo

por Artigo compilado - dom jan 04, 12:08 am

calvino belezuraNo Calvinismo, a regeneração acontece antes da fé, ao passo que no Arminianismo a regeneração acontece depois da fé. Em outras palavras, o “momento” do que a Escritura descreve como o “novo nascimento” é decisivo no debate entre o Calvinismo e o Arminianismo. No Calvinismo, Deus dá a seus eleitos um novo nascimento. Este é resultado de seu chamado eficaz (algumas vezes chamado de “graça irresistível”). Eles não podem e não irão resisti-lo, porque eles veem com novos olhos. Seu novo nascimento cria neles o desejo para arrependerem-se de seus pecados e depositarem sua fé em Jesus Cristo.

No Arminianismo Reformado, a ordem de salvação é diferente. Deus convence (do pecado), chama e atrai as pessoas para si mesmo, contudo dá-lhes a liberdade para resistir a sua graça. Se elas não resistirem e receberem o dom da salvação de Deus com as mãos vazias da fé, então Deus as regenera. Elas experimentam um novo nascimento somente após receberem Cristo através da fé.

Leroy Forlines diz que há um problema para a coerência do Calvinismo quando ele coloca a regeneração antes da fé, porque, como o grande teólogo calvinista Louis Berkhof afirma, “A regeneração é o princípio da santificação.”[1] É um problema, logicamente, colocar a regeneração antes da fé na ordo salutis (ordem de salvação) porque, se a regeneração é o princípio da santificação, e se a justificação resulta da fé, então logicamente o Calvinismo está colocando a santificação antes da justificação.

O calvinista Loraine Boettner argumenta, “Um homem não é salvo porque crê em Cristo; ele crê em Cristo porque ele é salvo.”[2] Isto é a que leva realmente a visão calvinista da regeneração precedendo a fé. Todavia, como Steve Lemke diz, isto parece colocar a carroça antes do cavalo. Lemke fornece outra forma de considerar esse quebra-cabeça: “Quando o Espírito entra na vida de um crente?…. O que as Escrituras dizem acerca da ordem de crer e receber o Espírito?”[3]

Isto é particularmente pungente, Lemke argumenta, devido à afirmação de Pedro em At 2.38: “E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo.”[4]

Forlines segue para mostrar por que isto é uma dificuldade lógica para o sistema calvinista: “Os calvinistas têm geralmente aderido à visão da satisfação da expiação e justificação. Se um pessoa é consistente no desenvolvimento das implicações da visão da satisfação da expiação, é claro que Deus não pode executar o ato da regeneração (um ato de santificação) em uma pessoa antes que ela seja justificada. Deus pode seguir com sua graça santificadora somente após o problema da culpa ser satisfeito pela justificação. Raciocinar de outra forma é violar a lei da não contradição. Entendo que quando falamos da ordo salutis (ordem de salvação), estamos falando sobre a ordem lógica ao invés de cronológica. Mas essa ordem lógica é inviolável!”[5]

Se Berkhof e Boettner estão corretos que a regeneração é o princípio da salvação e da santificação (e eu penso que eles estão), então aordo salutis calvinista, que coloca a regeneração antes da fé salvadora, e dessa forma antes da justificação e do dom do Espírito, é altamente problemática.

Tradução: Paulo Cesar Antunes do site http://arminianismo.com/

Fonte: http://www.fwbtheology.com/a-problem-in-calvinisms-order-of-salvation/


Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

15 Comentários

Comentários 1 - 15 de 15Primeira« AnteriorPróxima »Última
  1. A escola Arminio (biblico) e o calvin’ismo são opostos, não dá liga, impossivel. 
    mas o calvinismo e o islã tem em comum a “predestinação arbitrária” e os 5 pilares de fé, e o extremismo, ambos maomé e joão calvino foram despotas assassinos.
    (é a cara de um, focinho do outro.)

  2. O calvinista Loraine Boettner argumenta, “Um homem não é salvo porque crê em Cristo; ele crê em Cristo porque ele é salvo.
    Absurdo ! comparando com um trem, é por o vagão puxando a máquina (tração). funciona?
    A heresia é evidente, invertem os valores das palavras de João 3:16

  3. se colocarmos o pensamento calvinista como doutrina e salvação certamente angariaríamos muitos membros para nossas igrejas uma vez que era necessário apenas dizer”aceito”, como é o caso da igreja católica e de muitas denominações evangélicas (nada pessoal).
     

  4. De acordo com Tt 3,5-7; a salvacao se da pela lavagem regeneradora do Espirito Santo. O Espirito Santo e dado a quem cre em Jesus conforme Joao 7, 37-39. Entao se a regeneracao se da pela atuacao do Espirito, e o Espirito e dado a quem cre, logo a fe e condicao para regeneracao. Por tanto…

    1. A regeneracao NAO procede a fe. Ser regenerado equivale a nascer de novo e a ser salvo. Receio que o calvinismo se distancia muito da doutrina bíblica. Tenho com base bíblica muitas discordancias da doutrina de Calvino. Realmente nao tenho condicoes de ser calvinista.

    2. Na ordem, o salvador primeiro: “por intermédio de Jesus Cristo, nosso Salvador.” Tt 3:5c e em seguida o crente é selado pelo Espirito. O salvador é Jesus, o Espirito é outro (igual) consolador, este não fala de si, glorifica Jesus. Quem morreu na cruz foi Jesus e não o Espirito.

  5. Percebo que muitos calvinistas, em seu zelo pelos seus dogmas fatalistas esquecem a virtude capital do AMOR. Principalmente amor aos perdidos. Seja la como for a predestinacao, Deus em Cristo da exemplo de amor a todos sem distincao. Portanto devemos amar ate os inimigos e pregar …

    1. …o evangelho a toda criatura. Quem e eleito ou deixa de ser eleito, eu nao sei, nem quero saber. O que interessa e obedecer a Deus e ver almas se convertendo.

    2. David, 
      não nego a eleição, é biblico, porém não arbitrário, e obedecer a Deus inclui amar todos os homens, pois antes de tudo, ele é Amor e depois “soberania”, nem tb está preocupado com isso, pois veio morrer morte humilhante na cruz. Ele é Salvador 1º, sim Espirito faz o mesmo.

    3. Percebo que muitos calvinistas em seu zelo pela sua doutrina fatal, esquecem da virtude capital do amor. Principalmente amor aos perdidos. Deus em Cristo da exemplo de amor a todos sem distincao. Portanto devemos pregar indiscriminadamente o evangelho, e amar ate os inimigos.

  6. Comentário excelente, Jose David!
    Diferente de outros que argumentam bobagens e ilusões, tentanto forçar o inforçável. Sacrifício de tolo!

    1. nossa Ilson, você chegou a essa conclusão sozinho ? “forçar o inforçável” mas como você é um sem-vergonha ! beija e chuta ao mesmo tempo, cristão mediocre, belicista, não tem argumento biblico. cafona ! come grama pela raiz.

  7. Quem é calvinista supralapsariano? Eu te conheço? Vc está possuído por alguma entidade malígna? Eu, ein?

  8. Não ligue Ilson, é apenas um usado do mal para tentar os santos.

  9. Calvino era um ILUMINADO! Se iluminava com a queima de discordantes. Voces q vivem achando erro em outras religiões, um dia serão como ele, os juizes de Salém, Lutero, Torquemada e o Boko Haran.. Deixe sreem maioria.!

Comentários 1 - 15 de 15Primeira« AnteriorPróxima »Última

Deixe seu comentário

Advertisement