Esqueceu a senha?

Uma seara (quase) esquecida

por Pr. Eguinaldo Helio de Souza - sex ago 07, 9:12 am

Na sociedade brasileira há grupos específicos e resistentes ao Evangelho, a saber: Testemunhas de Jeová, ateus, muçulmanos, espíritas, mórmons, etc. No livro Uma seara (quase) esquecida são denominados GREI (Grupos) Religiosos Específicos e Ideologias). Como são mais difíceis e fechados são poucos abordados. A atenção evangélica se volta para as colheitas mais promissoras, negligenciando os Grei. Também são esquecidos na nossa na intercessão e estratégia missionária. O resultado de falta de informação, oração, treinamento e estratégia missionária leva a situação dos Grei continuar intacta.

Os Grei possuem barreiras mentais, tradições familiares e religiosas, cujas convicções questionam as verdades bíblicas, como: autoridade da Bíblia, doutrina da Trindade, Pessoa e Obra de Jesus… Por isso, no geral, são pessoas cauterizados para a evangelização. Consideram-nos heréticos e não querem nos ouvir. Essa realidade dura explica a negligência evangélica dos Grei, explica, mas não justifica, pois, somos chamados para fazermos discípulos de todas as nações e evangelizar toda criatura.

Uma seara (quase) esquecida preenche a brecha de negligência para com os Grei. A sua leitura nos desafia a abordar os segmentos mais resistentes da nossa sociedade. Apesar de consistirem em grupos diluídos e fechados, é possível ter conhecimento e treinamento para serem evangelizados. Essa evangelização pode ocorrer quando naturalmente nos encontramos com os membros dos Grei. E após nos instruir doutrinariamente, apologeticamente e espiritualmente para compartilhar nossa fé com pessoas desses grupos.

O Pastor Eguinaldo se dispôs a pensar sobre o assunto, nos instruir e nos dar propostas práticas de como nos preparar para evangelizarmos os Grei. Por isso, essa leitura nos enriquece tanto e nos mostra um caminho a seguir para mudarmos a realidade evangélica de negligência na evangelização desses grupos tão carentes do verdadeiro evangelho como qualquer outro.

Silas M. Tostes
Presidente da Missão Antioquia

Fonte: AI

Cada autor é responsável pelo conteúdo do artigo.

Deixe seu comentário

Advertisement